FIA anuncia mudanças na FE e confirma Hankook como nova fornecedora de pneus

Sai Michelin, entra Hankook. A Fórmula E ganha nova fornecedora de pneus em 2022/23, ano da introdução do novo Gen3. Mudanças para corte de gastos também foram confirmadas

O futuro da Fórmula E ganhou novos contornos nesta quarta-feira (1°). Um comunicado da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) revelou o novo regulamento técnico e esportivo, incluindo a chegada de uma nova fornecedora de pneus: começando na temporada 2022/23, a Hankook substitui a Michelin.

A Michelin está presente na FE desde a primeira corrida, em 2014. Só que a chegada do Gen3, nova geração de carro do certame elétrico, já será com a Hankook. A fábrica sul-coreana tem menos tradição no esporte a motor, mas tem sua relevância: DTM, W Series e alguns campeonatos de F3 e F4 são calçados pela marca asiática. Houve a possibilidade até de acordo com a F1, isso antes de a Pirelli renovar contrato e seguir como fornecedora única.

Ainda no regulamento técnico, a FIA definiu que o Gen3 terá potência de 300kW em corridas e de 350kW em classificações. O atual Gen2 tem potência de 250kW.

A Fórmula E passa por mudanças técnicas e esportivas (Foto: Fórmula E)

O regulamento esportivo traz uma abordagem mais rígida quando o assunto é controle de gastos, um tema ainda mais importante em dias de pandemia do coronavírus. Uma das medidas é o adiamento da introdução do Gen2 Evo para 2021/22. O carro deveria ser utilizado já em 2020/21, mas foi adiado e agora terá uso apenas durante uma temporada antes da chegada em Gen3 em 2022/23.

A permanência do atual Gen2 até 2020/21 permite que a FE mantenha tecnologias atuais por mais tempo. As peças atualmente homologadas seguem liberadas para uso por mais duas temporadas, o que significa menor gasto financeiro para escuderias. Afinal, a corrida de desenvolvimento tecnológico fica essencialmente congelada.

Outras economias virão através do uso prolongado de certos equipamentos. Discos de freio, peças de carenagem e sensores são alguns exemplos de componentes que passam a ser controlados, não podendo ser constantemente trocados. Além disso, a disponibilidade de conjuntos de pneus por piloto cai em 25%, o que torna a FE mais sustentável.

A temporada 2019/20 segue paralisada pela pandemia do coronavírus, mas já com datas para retornar e se encerrar. A FE parte para Berlim em agosto, onde realiza seis ePs entre os dias 5 e 13.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube