Mahindra confirma Lynn como substituto de Wehrlein para reta final de temporada

Saída do alemão Pascal Wehrlein abriu espaço para o campeão da GP3 em 2014 ganhar novo espaço no grid da Fórmula E

Duas semanas após Pascal Wehrlein quebrar o contrato, a Mahindra confirmou substituto para as rodadas finais da temporada 2019/20 da Fórmula E. Trata-se do inglês Alex Lynn, anunciado pelo time indiano nesta quarta-feira (24).

Campeão da GP3 em 2014 e vencedor das 12h de Sebring em 2017, Lynn, de 26 anos, retorna ao grid da Fórmula E após quase um ano afastado. Ele fez a reta final da temporada 2018/19 pela Jaguar, substituindo Nelsinho Piquet, que na ocasião também teve contrato encerrado de forma abrupta. Alex somou 10 pontos em 7 corridas, fechando o campeonato em 18º.

“Estou realmente animado por representar a Mahindra em Berlim. Tenho grandes ambições neste campeonato que igualam o que a Mahindra quer atingir. Eu apenas quero começar, já corri duas vezes em Berlim e sempre senti que fui bem, incluindo a aparição na Super Pole na última temporada. O formato de Berlim será animado e desafiador ao mesmo tempo, e estou ansioso para correr”, disse Lynn no comunicado oficial.

A Jaguar foi a última equipe de Alex Lynn na Fórmula E (Foto: Reprodução/FE)

Antes da Jaguar, Alex teve uma passagem pela Virgin, correndo a rodada dupla de Nova York em 2017 e confirmado para a temporada 2017/18, onde somou 17 pontos e não garantiu emprego para o campeonato seguinte.

“Estamos felizes por receber Alex na família Mahindra. Ele conseguiu grandes momentos na carreira e estamos confiantes que, juntos, conseguiremos resultados no restante da temporada. Não é fácil entrar no meio da temporada, especialmente com o formato único que teremos em Berlim, mas Alex tem a vontade, talento e experiência que temos certeza que vai compensar rapidamente. Queremos agradecer Pascal pela contribuição e desejamos a ele o melhor em suas próximas empreitadas”, declarou o chefe de equipe Dilbagh Hill.

A temporada da Fórmula E será reiniciada em uma sequência de seis corridas entre os dias 5 e 13 de agosto, no circuito do aeroporto de Tempelhof, em Berlim, na Alemanha. O companheiro de Lynn na Mahindra é o belga Jerome D’Ambrosio.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube