NIO desiste de Qing Hua, e Piquet e Abt viram candidatos para corridas em Berlim

De acordo com o site The Race, Ma Qing Hua está com dias contados na NIO. A pior equipe da FE mira um substituto de peso: ou o campeão Nelsinho Piquet, ou o vencedor Daniel Abt

Depois de Daniel Abt e Pascal Wehrlein, mais um piloto da Fórmula E está em vias de romper com sua equipe antes da série de seis corridas em Berlim que encerram a temporada 2019/20. De acordo com o site The Race, a equipe NIO decidiu demitir Ma Qing Hua com efeito imediato. A vaga que se abre já tem dois principais candidatos: Nelsinho Piquet, fora do grid há um ano, e Abt, ainda com futuro incerto após deixar a Audi.

Qing Hua é o lanterna no Campeonato de Pilotos da FE. Mesmo levando em conta que a NIO é atualmente a pior equipe do certame, sendo a única ainda sem pontos, as performances do chinês não foram convincentes até aqui. Se a demissão já era provável por conta de performances, vira questão de tempo quando se lembra que Ma passou o período da pandemia na China, o que dificulta a entrada na Alemanha para correr no Tempelhof.

Depois de mais de um ano afastado, Nelsinho Piquet flerta com o retorno à FE (Foto: Reprodução)

O site The Race não aponta claro favorito na disputa entre Piquet e Abt, com ambos trazendo pontos positivos. Piquet tem a experiência de um campeão da FE, feito alcançado inclusive pela antecessora da atual NIO, a China Racing, em 2014/15. Abt, por sua vez, está livre no mercado e já conseguiu um hat-trick no Tempelhof em 2018: vitória, pole-position e volta mais rápida.

No caso de Abt, as dúvidas são grandes. O alemão foi demitido da Audi por usar um ‘dublê’ em corrida virtual, colocando um piloto de eSports em seu lugar para conseguir melhores resultados. Fora do grid, Daniel chegou a indicar chances de até mesmo de encerrar a carreira precocemente.

A sequência de seis corridas em Berlim acontece no começo de agosto. Serão seis corridas em nove dias, todas no Tempelhof, para compensar o cancelamento de outros nove ePs por conta da pandemia do coronavírus.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube