Giro BR #11: Do futuro de Petecof, fora da F2, a Castroneves na prateleira das lendas

A interrupção da trajetória de Gianluca Petecof na Fórmula 2 foi o grande destaque do Giro BR #11 nesta terça-feira. Mas, claro, a vitória épica de Helio Castroneves na Indy 500 foi bastante debatida, bem como os feitos dos brasileiros Matheus Ferreira e Rafa Câmara no Europeu de Kart na França e o pódio de Diogo Moreira no Red Bull Rookies Cup

A 11ª edição do Giro BR, o programa na Twitch do GRANDE PRÊMIO que debate a trajetória dos pilotos brasileiros nas pistas mundo afora, trouxe informações exclusivas de bastidores sobre Gianluca Petecof e o debate sobre o futuro da sua carreira nesta terça-feira (1). Sem patrocínio, o jovem de 18 anos não conseguiu dar sequência à sua jornada na Fórmula 2 e já não corre neste fim de semana da rodada tripla de Baku, no Azerbaijão.

Com apresentação de Fernando Silva, participação de Pedro Luis Cuenca e Lucas Couto e produção de Rodrigo Berton, a atração ressaltou as conquistas da carreira de Petecof e projetou os próximos passos da sua trajetória, com o principal foco voltado para 2022.

O Giro BR #11 também trouxe uma prévia das participações de Felipe Drugovich e Guilherme Samaia neste fim de semana em Baku e abordou os resultados dos brasileiros nas categorias de base: da vitória de Matheus Ferreira e do pódio de Rafa Câmara no Europeu de Kart, na França e o fim de semana difícil de Dudu Barrichello e Gabriel Bortoleto na Fórmula Regional Europeia by Alpine, em Paul Ricard.

Helio Castroneves venceu as 500 Milhas de Indianápolis (Foto: IndyCar)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

O pódio de Diogo Moreira no Red Bull Rookies Cup em Mugello, na Itália, e o top-3 que escapou por pouco das mãos de Kiko Porto na etapa da USF2000 no curto oval Lucas Oil Raceway, em Indianápolis, também foram pauta do programa.

A atração também debateu a épica quarta vitória de Helio Castroneves nas 500 Milhas de Indianápolis, as lembranças de Pedro Luis Cuenca, que viu a última vitória brasileira antes do triunfo de Helio no fim de semana, quando Tony Kanaan conquistou a prova em 2013, e Rodrigo Berton falou sobre as curiosidades do ambiente peculiar e único do IMS.

Por fim, todos os participantes refletiram sobre a postura de Lewis Hamilton, que se posicionou favoravelmente aos protestos contra o presidente Jair Bolsonaro, e criticaram a inércia de praticamente todos os pilotos brasileiros, que evitam se posicionar contra a política que já ceifou quase 500 mil vidas na pandemia de Covid-19.

Castroneves sobe nas grades de Indianápolis (Vídeo: Indycar)

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar