3º, Newgarden fala em “bom esforço”, mas reconhece: “Precisamos melhorar nos mistos”

Josef Newgarden não lamentou o resultado em Elkhart Lake e destacou o esforço que fez junto com a Penske para salvar um pódio, mas reconheceu que o time está abaixo do esperado em performance nos mistos

O GP de Elkhart Lake teve dono. Alexander Rossi sumiu na frente já na primeira volta e não foi mais alcançado. Assim, restou a Josef Newgarden e os demais rivais a briga pelo pódio. Josef saiu em terceiro, conformado com o resultado, mas admitindo que a Pense tem algumas dificuldades nos circuitos mistos que precisam ser corrigidas.
 
O americano valorizou o esforço feito com o time e também do companheiro Will Power, que foi segundo, mas não deixou de comentar a larga margem de quase 30s que ambos tomaram de Rossi.
 
"Fizemos o que podíamos. Acho que eu e o Will ficamos tentando crescer na corrida, mas não dava. De qualquer jeito, foi um bom esforço de todos na equipe. É óbvio que estivemos um pouco atrás da Andretti, Rossi fez um grande trabalho hoje e precisamos voltar para casa e entender o motivo", disse.

Indycar)" />
Josef Newgarden foi ao pódio (Foto: Indycar)

Para Newgarden, apesar dos resultados não estarem ruins, a performance nos mistos tem sido um problema para a Penske e algo precisa ser corrigido.

 
"Acho que precisamos melhorar nossa performance nos mistos. A Chevrolet nos dá um bom pacote ainda, mas acho que o terceiro lugar foi bom aqui. Não sabemos ainda o que melhorar, mas precisamos dissecar isso, espero encontrar uma resposta", completou.
 
Apesar do pódio, a vantagem de Josef na liderança do campeonato caiu para sete pontos com a vitória de Rossi. Agora, o campeonato tem 402 a 395 para o piloto da Penske.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube