Enzo Fittipaldi bate na classificação e perde corrida 1 da Pro 2000 em St. Pete

Enzo Fittipaldi teve o fim de semana prejudicado por uma batida na classificação da corrida 1. Piloto só competirá no domingo e largando do último lugar

O onboard de Ryan Hunter-Reay (Vídeo: Divulgação/Andretti)

O brasileiro Enzo Fittipaldi não participará da corrida 1 da Indy Pro 2000 em St. Pete. O piloto da RP Motorsport sofreu um acidente durante a classificação, realizada na última sexta-feira (24), e o time não terá tempo suficiente para consertar o carro para a disputa deste sábado. A batida também força Enzo a largar da 17ª e última posição na corrida 2.

“Oi, galera. Infelizmente, depois do acidente de ontem no primeiro qualy, meu carro não vai ficar pronto a tempo para eu correr. Muito obrigado a todos pelas mensagens. Estou bem. 100%”, publicou Enzo nas redes sociais.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

WEB STORIES: Como está top-10 da Indy após GP do Alabama?

Enzo junto do irmão Pietro nos boxes da RP Motorsport (Foto: Reprodução/Twitter)

O começo de Enzo Fittipaldi pela Indy Pro 2000 é com dificuldades e o 12º lugar na classificação, somando 20 pontos. Na primeira etapa do ano, registrada no Alabama, o piloto sofreu um acidente na corrida 1 e terminou apenas em 12º. Já na corrida 2, registrou o 10º lugar.

A corrida 1 da Indy Pro 2000 em São Petersburgo acontece neste sábado, a partir das 12h50 (de Brasília), e tem o líder do campeonato Braden Eves na pole-position. A corrida 2, que marca o retorno de Enzo, acontece no domingo, às 09h, com Hunter McElrea largando da primeira colocação.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar