Focado em vitória, Herta desconversa sobre ajuda a Rossi: “Será difícil”

Colton Herta será companheiro de equipe de Alexander Rossi em 2020, mas o novato não está com muita vontade de ajudar o #27 a conquistar o título da Indy em Laguna Seca. O piloto da Harding brincou sobre a possibilidade de dividir o prêmio de campeão caso ajude

Colton Herta é o pole-position da corrida final da Indy em 2019. O jovem piloto se intrometeu na briga dos concorrentes ao título e largará na ponta em Laguna Seca após marcar 1min10s140 no treino classificatório, realizado no sábado (21).
 
Um dos concorrentes ao título é Alexander Rossi, da Andretti, mesma equipe que Herta assinou para correr em 2020. 41 pontos atrás de Josef Newgarden, Rossi precisa de uma vitória para manter as chances de título vivas. A relação de Herta com a equipe abriu questionamentos se ele dará passagem ao futuro companheiro de time.
 
“Pergunta difícil”, declarou Herta ao site ‘Motorsport.com’. “Não sei, tenho certeza que vão me falar sobre algo assim. Espero não estar nesta posição, depende muito de onde estarei na corrida. Se estiver liderando, será difícil falar sim e ajudá-lo. Preciso de alguns incentivos, se é que me entende", completou o piloto de 19 anos.
Colton Herta (Foto: Indycar)
Herta também brincou sobre a possibilidade de dividir o prêmio de campeão com Alexander Rossi. O piloto da Harding afirmou que o dinheiro seria suficiente para arranjar uma nova casa
 
"Se eu deixar o Rossi passar, gostaria de metade do prêmio do campeonato, seria ótimo. O que você ganha? 1 milhão? Seria ótimo, conseguiria me mudar da casa dos meus pais", concluiu.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar