Herta volta a mostrar força da Honda e lidera TL3 em Portland. Newgarden é 2º

Colton Herta voltou a frustrar os candidatos ao título. O jovem piloto da Harding foi o único abaixo dos 58 segundos e liderou o último treino livre em Portland antes da classificação. Josef Newgarden ficou em segundo, enquanto os brasileiros amargaram a rabeira novamente

Colton Herta foi o mais rápido no terceiro treino livre da Indy em Portland. O jovem piloto da Harding comprovou a força da Honda no circuito e liderou a sessão com o tempo de 57s993. Ele foi o único a anotar uma marca abaixo dos 58 segundos.
 
Líder do campeonato, Josef Newgarden ficou com a segunda posição, seguido pelo companheiro de equipe Will Power. Scott Dixon foi o quarto, com Alexander Rossi em quinto. O top-10 ainda contou com Ryan Hunter-Reay, Jack Harvey, Graham Rahal, Felix Rosenqvist e Sébastien Bourdais. Simon Pagenaud, que também disputa o título e é segundo colocado na temporada, amargou o 17º lugar.
 
Os brasileiros Tony Kanaan e Matheus Leist se mostraram bons no início, mas foram superados ao longo do tempo e amargaram posições ruins. Leist foi o 20º, enquanto Kanaan ficou em 22º.

O treino classificatório da Indy em Portland está marcado para começar às 19h (de Brasília).
 
Saiba como foi o TL3 em Portland
 
Os carros não perderam tempo e partiram para a pista assim que a bandeira verde apareceu. Com 1min00s626, Sato foi o primeiro a tomar a ponta da sessão. Em seguida, ele anotou 59s067, mantendo a primeira posição, seguido por Ryan Hunter-Reay.
 
Com pouco mais de cinco minutos de treino, Hunter-Reay anotou 58s820, se tornando o primeiro na marca dos 58 segundos e tomando a liderança de Sato, e pouco tempo depois foi batido por Colton Herta, que marcou 58s668, provando a força dos carros de motor Honda. Herta ainda melhorou o tempo para 58s447.
Colton Herta (Foto: Indycar)
Felix Rosenqvist foi o primeiro a causar uma bandeira amarela, rodando na curva 1 ao passar sobre uma zebra. Josef Newgarden finalmente mostrou as caras, com 58s547 e pulando para segundo. Herta melhorou o tempo da liderança pela terceira vez consecutiva, agora com 58s367.
 
Com 13 minutos, Will Power se tornou o primeiro Chevrolet a assumir a liderança da sessão, com 58s365. O top-5 era formado por ele, Herta, Newgarden, James Hinchcliffe e Simon Pagenaud. Dixon não tinha aparecido na pista nos primeiros minutos, mas começou a dar voltas rápidas e escalou a tabela de classificação, aparecendo em 11º, e o giro seguinte levou o neozelandês ao quarto lugar.
 
Matheus Leist causou a primeira bandeira vermelha. O brasileiro da Foyt estava em bom ritmo, ocupava a oitava posição, até perder o carro na entrada da curva 2 e permanecer estacionado, até a ajuda dos comissários para retornar à pista.
 
Os pilotos colocaram os carros na pista com 25 minutos restantes. Josef Newgarden tomou a ponta, anotando 58s143. Alexander Rossi também veio com força e colocou 58s213, pulando para o segundo lugar. James Hinchcliffe, que era o 11º, também foi vítima da zebra na curva 1, derrapando o carro, mas conseguindo salvar e impedir uma batida.
 
A segunda bandeira vermelha veio com 16 minutos para o fim. O carro de Santino Ferrucci simplesmente apagou quando saiu do pit-lane, e ele precisou ser puxado de volta aos boxes. Após o reinício, Newgarden melhorou o próprio tempo, com 58s102.
 
Nos minutos finais, os pilotos colocaram novos pneus para a simulação de classificação, bagunçando as posições. Colton Herta marcou 57s993, tomando a ponta de Newgarden com menos de quatro minutos.

Ao final do treino, os pilotos se reuniram na saída do pit-lane para prestar homenagem ao francês Antoine Hubert, que morreu após grave acidente na corrida da Fórmula 2 na Bélgica.

 
Indy 2019, GP de Portland, TL3:
1 C HERTA Harding Honda 57.994   18
2 J NEWGARDEN Penske Chevrolet 58.102 +0.108 25
3 W POWER Penske Chevrolet 58.173 +0.179 21
4 S DIXON Ganassi Honda 58.182 +0.188 21
5 A ROSSI Andretti Honda 58.214 +0.220 23
6 R HUNTER-REAY Andretti Honda 58.233 +0.239 21
7 J HARVEY Meyer Shank Honda 58.278 +0.284 20
8 G RAHAL RLL Honda 58.325 +0.331 26
9 F ROSENQVIST Ganassi Honda 58.370 +0.376 28
10 S BOURDAIS Dale Coyne Honda 58.391 +0.397 21
11 M CHILTON Carlin Chevrolet 58.405 +0.411 18
12 T SATO RLL Honda 58.415 +0.421 27
13 S FERRUCCI Dale Coyne Honda 58.416 +0.422 18
14 J HINCHCLIFFE SPM Honda 58.446 +0.452 25
15 M ANDRETTI Andretti Honda 58.504 +0.510 24
16 Z VEACH Andretti Honda 58.512 +0.518 24
17 S PAGENAUD Penske Chevrolet 58.528 +0.534 23
18 C DALY SPM Honda 58.592 +0.598 20
19 S PIGOT Carpenter Chevrolet 58.711 +0.717 25
20 M LEIST Foyt Chevrolet 58.742 +0.748 20
21 C KIMBALL Carlin Chevrolet 58.757 +0.763 21
22 T KANAAN Foyt Chevrolet 58.910 +0.916 22
23 E JONES Carpenter Chevrolet 58.959 +0.965 21

 

Paddockast #31
QUEM NA F1 PASSA DE ANO?

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube