McLaughlin impressiona em teste, e Penske estuda oportunidade em 2020

Bicampeão da V8 Supercars, Scott McLaughlin impressionou a Penske em seu primeiro teste em carro da Indy, realizado em Sebring. Time estuda nova oportunidade para o neozelandês em Austin, visando participação em alguma corrida de 2020

A primeira participação de Scott McLaughlin em um teste na Indy foi tão positiva que o piloto já é considerado pela Penske para participar de alguma corrida na temporada 2020.
 
O piloto neozelandês deu 140 voltas no teste realizado em Sebring, na última quarta-feira (15). Em sua primeira experiência em um carro da categoria, ficou apenas 0s5 acima do tempo de Rinus VeeKay, da Carpenter, que liderou a sessão.
 
Tim Cindric, presidente da equipe, falou sobre o teste de sucesso de McLaughlin. Ele pretende contar com o bicampeão da V8 Supercars no teste de Austin, que acontecerá em fevereiro.
Scott McLaughlin impressionou a Penske durante os testes nesta semana (Foto: Penske)
"Não fechamos ainda se o Scott poderá pilotar em Austin ou não, então ainda trabalhamos com isso. Indy não vai deixar alguém aparecer em um teste aberto sem comprometimento de correr em algum lugar", disse ao site ‘Motorsport.com’.
 
"Depende se vamos conseguir tempo para o teste ou se será em outra oportunidade. Estamos tentando arrumar isso, mas o primeiro passo foi em Sebring", completou.
 
Uma oportunidade que surge para a estreia de McLaughlin é no GP de Indianápolis, que acontece no dia 9 de maio. A data não coincide com etapa do Supercars, onde o neozelandês compete, ou do SportsCar, o que possibilita a entrada de membros da Penske  da categoria de endurance na Indy.
 
Cindric também revelou uma conversa com Dario Franchitti sobre o assunto. O escocês trocou o DTM pela Indy em 1997 e se tornou uma lenda nos Estados Unidos, com quatro títulos.
 
"Ele entende bastante de carreira de um cara com base no turismo. O sentimento é que um piloto de alto nível consegue andar bem na IndyCar com menos tempo por conta dos dados, além de aprender com os companheiros", completou Cindric.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar