Kanaan lamenta 10º lugar na Indy 500: “Acabou antes mesmo de começar”

Apesar de incrível recuperação até o décimo lugar, Tony Kanaan não escondeu a tristeza com a chance de vitória na Indy 500 encerrada antes mesmo da metade da corrida

Castroneves passou Palou para vencer a Indy 500 (Vídeo: NBC)

A edição 2021 da Indy 500 definitivamente foi longe do que Tony Kanaan esperava. Guiando a Ganassi e largando do top-5, o veterano brasileiro terminou na 10ª posição após uma corrida de recuperação neste domingo (30).

Tony foi um dos prejudicados pela bandeira amarela causada por Stefan Wilson, da Andretti, no início da corrida. Sem combustível, o brasileiro precisou parar com os boxes fechados, o que rendeu uma punição que o jogou para o fundo do grid na hora da relargada. De lá, ainda conseguiu escalar até fechar no top-10.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!
WEB STORIES: Como foi a quarta vitória de Helio Castroneves na Indy 500?

Tony Kanaan foi 10º colocado (Foto: Indycar)

“Ficamos presos na amarela e acabou. Eu disse que precisávamos andar no top-5 o dia inteiro porque seria muito difícil. Nossa corrida acabou antes mesmo de começar. Ficamos presos na amarela, tivemos de largar no fundo, fizemos tudo o que podíamos, tínhamos um carro bom, fizemos boas ultrapassagens, mas eu sabia que ali seria difícil”, declarou Kanaan.

Tony viu o compatriota Helio Castroneves vencer a Indy 500 pela quarta vez na carreira, e o companheiro de equipe Álex Palou na segunda posição, brigando praticamente até o fim da corrida. Kanaan devolve o carro #48 para as mãos de Jimmie Johnson a partir da próxima etapa, na rodada dupla de Detroit. O brasileiro retorna na etapa de Gateway, em agosto.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar