De volta sete semanas após lesão, Rins mostra confiança em teste e torce por retorno definitivo na Holanda

De volta ao comando da GSX-RR sete semanas após fraturar o braço em um acidente em Austin, Álex Rins fez um balanço positivo de seu primeiro contato com a Suzuki. Espanhol torceu para voltar de forma definitiva à MotoGP no GP da Holanda, próxima parada do Mundial

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Pouco mais de sete semanas após fraturar o antebraço esquerdo em um acidente em Austin, Álex Rins voltou a guiar a GSX-RR da Suzuki no teste coletivo realizado pela MotoGP em Barcelona na segunda-feira. Apesar do 17º tempo na sessão, o espanhol fez um balanço positivo deste retorno às pistas.

 
Estreante na MotoGP, Álex não vem tendo uma temporada fácil. O #42 fraturou vértebras ainda na pré-temporada e quebrou o tornozelo em um treino de motocross antes da lesão que o manteve fora de combate desde abril.
Álex Rins voltou à MotoGP em teste na Catalunha (Foto: Divulgação/MotoGP)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

“Estou muito feliz por voltar a minha GSX-RR”, disse Rins. “A verdade é que não tentamos muitas coisas na segunda-feira já que a minha prioridade era recuperar a sensação de guiar uma máquina de MotoGP depois da lesão”, seguiu.
 
“Não doeu ou causou algum tipo de problema, então estou muito confiante”, declarou. “Não estou 100%, mas me sinto em forma e não acho que terei mais problemas por conta desta lesão”, previu.
 
Na segunda-feira, entretanto, Rins teve um novo revés com um tombo ao longo da sessão, mas, desta vez, escapou ileso do acidente. Assim, Álex espera voltar de vez para a MotoGP em Assen, próxima parada do Mundial. 
 
“É realmente positivo que eu não tenha machucado a minha mão na segunda-feira, porque a queda foi rápida”, celebrou. “Mas estou feliz por testar aqui e trabalhar com o meu time. Espero voltar em Assen”, concluiu.

#GALERIA(7082)
 
PADDOCK GP #82 TEM PRESENÇA DE ALEX BARROS

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube