MotoGP

Desclassificado em Misano, Fenati é suspenso por duas corridas por acionar freio de Manzi na Moto2

Romano Fenati não vai sair impune do episódio do GP de San Marino deste domingo (9). Após ser desclassificado por acionar o freio de Stefano Manzi, o piloto recebeu ainda duas corridas de suspensão, ficando fora de Aragão e Tailândia
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
Romano Fenati vai ter que arcar com as consequências do episódio durante o GP de San Marino deste domingo (9). Após apertar o freio de Stefano Manzi na reta oposta, o piloto sofreu duas corridas de suspensão.
 
Na corrida em Misano, os dois pilotos estavam em uma intensa batalha no traçado. Em determinado momento, o #62 acabou empurrando o #13 para a caixa de brita em uma briga por posições.
Romano Fenati atacou Stefano Manzi em Misano (Foto: Reprodução)
A solução de Romano para se vingar do rival? Alinhar ao lado de Stefano na linha oposta e acionar, deliberadamente, o freio dianteiro da moto do adversário. Por pouco não aconteceu um acidente bastante grave. Imediatamente Fenati recebeu bandeira preta e foi desclassificado da corrida.
 
Mais tarde, a FIM divulgou um comunicado em que tomou medidas mais drásticas contra o piloto. Como punição pela ação, o italiano foi suspenso das duas próximas corridas do calendário, em Aragão e Tailândia.
 
O mais irônico do ocorrido é que a atual equipe de Manzi, a Forward, é a futura casa de Fenati, que já tem contrato assinado para a temporada 2019 da Moto2.

Algum tempo após, a FIM anunciou uma punição também para Manzi. Para a próxima corrida, o piloto vai perder seis posições no grid de largada por pilotar de maneira indevida - a punição é por um lance antes do incidente com Romano.

Os pilotos da MotoGP reprovaram fortemente a atitude do italiano. Na coletiva de imprensa após a corrida, Marc Márquez e Andrea Dovizioso cobraram punição exemplar, enquanto Cal Crutchlow apoia que o piloto nunca mais volte a correr.