Dono da segunda marca em Sepang, Pedrosa fala em melhorar RC213V para “rodar mais confortavelmente”

Segundo colocado no primeiro dia da segunda bateria de testes da pré-temporada 2015 da MotoGP, Dani Pedrosa contou que a Honda não testou nenhum novo componente nesta segunda-feira (23). Espanhol falou em melhorar a moto para rodar de forma mais confortável

A cobertura completa da pré-temporada 2015 da MotoGP no GRANDE PRÊMIO

Dani Pedrosa completou o primeiro dia da segunda bateria de testes da pré-temporada 2015 da MotoGP com a segunda melhor marca. Nesta segunda-feira (23), o espanhol cravou 2min00s543 na melhor de suas 52 voltas e ficou a 0s129 de Valentino Rossi, o mais rápido do dia.
 
Após a sessão, que foi encerrada mais cedo por conta da chuva, Pedrosa contou que a Honda não testou nenhum novo componente neste primeiro dia e falou em tentar melhorar a RC213V para tentar rodar de forma mais confortável.
Dani Pedrosa quer melhorar a RCV para ficar mais confortável na moto (Foto: Honda)
“Hoje nós focamos em testar diferentes setups para a moto e eu acho que correu bem”, avaliou. “Nós não testamos nenhuma peça nova. Ao invés disso, confirmamos nossos achados com o que tínhamos no último teste, apesar de a pista não estar perfeita”, continuou. 
 
“Choveu no final, então nós também pudemos rodar um pouco nessa condição”, ressaltou. “Amanhã nós vamos continuar testando algumas mudanças no setup para ver se podemos melhorar alguma coisa que nos permita rodar mais confortavelmente”, encerrou. 

#GALERIA(5225)
PINTURA POR CARIDADE

A nova regra da FIA a respeito das trocas de capacetes ao longo do ano não intimida Sebastian Vettel.Piloto que ‘lançou a moda’ ao trocar frequentemente de capacete ao longo da carreira, Vettel vem usando um casco branco com a bandeira da Alemanha em destaque na pré-temporada com a Ferrari.

Mas dependendo de qual for a punição a ser paga pelo desrespeito a regra, o tetracampeão não deve abandonar definitivamente o hábito.

É VOCÊ, KIMI?

Kimi Räikkönen está sorridente e falante em 2015. É o que diz Maurizio Arrivabene, novo chefe da Ferrari, a respeito da postura do finlandês nos bastidores da equipe durante a pré-temporada. Mas o italiano aponta mais motivos para relatar porque tem certeza que verá o campeão de 2007 provando seu valor no campeonato deste ano. De acordo com Arrivabene, que fez sua primeira aparição como chefe da Ferrari em um circuito nesta semana em Barcelona, o principal fator é o carro. Kimi está bem mais confortável.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube