Estreante na Moto2, Márquez diz que precisa voltar a se divertir na moto: “Aí que o tempo de volta vai aparecer”

26º colocado na primeira bateria de testes da pré-temporada 2015 da Moto2, Álex Márquez afirmou que precisa de tempo de pista para voltar a se divertir em cima da moto. Campeão da Moto3 lamento tempo perdido com a chuva em Valência, mas falou em recuperar o atraso no teste de Jerez de la Frontera

A cobertura completa da pré-temporada 2015 da MotoGP no GRANDE PRÊMIO

Álex Márquez completou a primeira bateria de testes da pré-temporada 2015 da Moto2 com o 26º tempo. Estreante na divisão intermediária, o espanhol cravou sua melhor volta em 1min37s773 e ficou a 3s018 de Johann Zarco, dono da melhor marca nos testes em Valência.
 
Após os treinos, Álex ponderou que precisa de tempo de pista para ganhar confiança a bordo da Kalex, especialmente após ter sofrido uma queda durante uma sessão de testes privados em Almería. No circuito Ricardo Tormo, entretanto, o campeão da Moto3 pouco conseguiu rodar, já dois dos três dias de testes foram atrapalhados pela chuva.
Álex Márquez lamentou chuva que atrapalhou testes em Valência (Foto: Marc VDS)
“No início do meu primeiro ano na Moto2, eu preciso do máximo de tempo de pista possível, especialmente após o meu feeling com a moto não ser tão bom depois de uma queda durante um shakedown em Almería na semana passada”, comentou Álex. “Preciso começar a me divertir em cima da moto outra vez, porque é aí que o tempo de volta vai aparecer, e eu preciso recuperar as boas sensações”, seguiu. 
 
“Infelizmente, o clima aqui em Valência fez com que eu não tivesse uma chance de fazer isso, já que só tive realmente um dia na moto”, lamentou o irmão mais novo de Marc. “Agora vamos para mais três dias de testes em Jerez, onde, com uma previsão do tempo melhor, poderemos compensar o tempo de pista perdido aqui”, completou. 
 
A pré-temporada da Moto2 recomeça no próximo dia 17, quando os times da divisão intermediária se encontram com os pilotos da Moto3 para mais três dias de exercícios, desta vez em Jerez de la Frontera.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube