Feliz com 3º posto em Losail, Bautista vê necessidade de evolução da moto com pneus gastos

Terceiro colocado no segundo dia de treinos da MotoGP no Catar, Álvaro Bautista celebrou a posição, mas afirmou que ainda precisa melhorar o comportamento da moto com os pneus gastos

A cobertura completa do GP do Catar no GRANDE PRÊMIO
As imagens da sexta-feira de Mundial de Motovelocidade no Catar
icone_TV Automobilismo na TV: a programação do fim de semana

Álvaro Bautista registrou o terceiro melhor tempo no segundo dia de treinos da MotoGP para o GP do Catar. Nesta sexta-feira (21), o espanhol da Gresini cravou 1min55s240 em sua melhor volta e fechou o dia a 0s476 de Aleix Espargaró, que segue no comando das atividades.
 
Após os exercícios, Bautista comemorou o terceiro posto, mas ponderou que ainda precisa melhorar o desempenho da RC213V com os pneus gastos, uma vez que perde muito rendimento.
Álvaro Bautista cravou a terceira melhor marca em Losail (Foto: Gresini)
“Estou feliz, pois, no momento, continuo sendo o piloto mais rápido com os pneus médios, logo atrás as motos que podem usar o composto extra-macio”, comentou. “Além disso, meu feeling com a moto melhorou um pouco em comparação com os testes recentes”, seguiu. 
 
“Nós precisamos melhorar um pouco mais o comportamento da moto com os pneus gastos, pois depois de apenas três ou quatro voltas, a performance do pneu traseiro cai bastante”, contou. “Amanhã nós ainda temos mais uma sessão de treinos livres para tentar melhorar a situação, aí daremos o máximo na classificação para tentar ter uma boa posição de largada, mas vai ser difícil bater as motos que podem usar o pneu traseiro extra-macio, que oferece uma vantagem de até quatro décimos”, concluiu.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube