Lecuona perde GP da Europa após irmão contrair Covid-19 e isola em Andorra

O piloto da Tech3 não poderá correr em Valência neste fim de semana já que tem de cumprir dez dias de quarentena obrigatória. O exame de PCR do espanhol deu negativo

A pandemia do novo coronavírus vai provocar mais uma baixa na temporada 2020 do Mundial de Motovelocidade. Iker Lecuona vai desfalcar a Tech3 no GP da Europa deste fim de semana, pois terá de cumprir dez dias de isolamento obrigatório em Andorra após o irmão testar positivo para Covid-19.

Na terça-feira, Iker fez um teste de PCR que deu negativo, mas a lei de Andorra exige um período de dez dias de auto isolamento por conta do contato com um infectado. Lecuona vai passar por outro exame nesta quinta-feira (5) para confirmar o resultado negativo.

Iker Lecuona não poderá estar em Valência neste fim de semana (Foto: Red Bull Content Pool)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

“Estamos muito tristes em anunciar que Iker Lecuona não vai participar do GP da Europa deste fim de semana. Até agora, ele testou negativo, mas o irmão, que também é assistente dele, está positivo e, portanto, as autoridades de Andorra o tratam como um ‘caso de contato’”, disse Hervé Poncharal, chefe da Tech3. “Ele vai fazer outro teste hoje, mas ainda que seja negativo mais uma vez, ele tem de ficar em quarentena sem sair de casa em Andorra por dez dias. O plano é fazer outro teste na próxima quarta-feira e, se der negativo também, ele poderá viajar para Valência e participar da segunda corrida”, seguiu.

“É uma grande infelicidade. Todos foram muito cuidadosos. Lamentamos muito por isso. Só esperamos que Iker mantenha o teste negativo nos próximos exames e possamos vê-lo aqui na próxima semana. Não podemos esquecer que esta era a corrida de casa dele e a equipe estava esperando muito dessas duas corridas, então é uma grande pena”, lamentou. “Mas sabemos a situação do mundo no momento, infelizmente coisas assim acontecem. De novo, esperamos que tudo esteja normal na próxima semana. Claro, ele não será substituído neste evento, portanto a Tech3 vai se concentrar no nosso único piloto: Miguel Oliveira”, concluiu.

Até agora, Riccardo Rossi, da Moto3, Jorge Martín, da Moto2, e Valentino Rossi, da MotoGP, foram os casos positivos de Covid-19 entre os pilotos do Mundial. O titular da Yamaha, aliás, perdeu as duas corridas em Aragão e ainda é dúvida para este fim de semana, já que o exame feito no começo da semana ainda deu positivo.

Além do trio, Tony Arbolino também perdeu uma corrida por causa da pandemia. O italiano não pegou o vírus, mas teve de cumprir um período de isolamento após viajar ao lado de um contaminado.

GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do GP da Europa, antepenúltima etapa do Mundial de Motovelocidade 2020.

LEIA TAMBÉM
+ Mir lidera MotoGP com menor pontuação após 11 corridas em 27 anos

Ouça os programas do GRANDE PRÊMIO no formato de podcast:
Anchor | Apple | Spotify | Google | Pocket Cast | Radio Public | Breaker

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube