MotoGP abre temporada 2014 com novo e já polêmico regulamento, mas mesmos protagonistas

O Catar novamente é o ponto de partida da MotoGP. A prova noturna deste final de semana marca a abertura do campeonato em que os favoritos seguem os mesmos, mas dentro de regras bem diferentes


(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

A MOTOGP EM 2014 vai viver uma temporada de regulamentos diferentes, mas de mesmos protagonistas. As luzes da pista de Losail vão começar a iluminar neste final de semana o primeiro capítulo de um novo e ainda mais feroz embate entre Honda e Yamaha pelo título. Não há a menor dúvida de que todos os olhares vão se concentrar nos quatro fantásticos, sobretudo no mais jovem campeão da história do Mundial.

Depois de encantar o mundo em 2013 com a ousadia e a velocidade dos novatos, o irreverente Marc Márquez é quem vai puxar a fila e é só dele a responsabilidade de defender a taça conquistada de forma inédita no último ano. A tarefa não será das mais fáceis, mas a favor do Marc está a maior experiência e o fato de ter nas mãos uma das máquinas mais competitivas do grid.

Marc Márquez celebrou em Valência a conquista do título no ano de estreia na MotoGP (Foto: Repsol)


(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Na cola do espanhol de 21 anos, os outros dois compatriotas e não menos protagonistas neste cenário. Na mesma garagem, Dani Pedrosa é o cara que vai tentar em sua nona temporada com a equipe laranja finalmente escrever o nome no troféu de campeão da MotoGP. O catalão tem a seu favor a experiência e a calma de quem conhece bem seus rivais, além de contar com o mesmo equipamento vencedor do companheiro de equipe.

Do outro lado dos boxes, está um mordido Jorge Lorenzo. Depois de fraturar duas vezes a clavícula, operar e disputar uma corrida apenas 30 horas após deixar o hospital, e ainda conseguir levar a disputa do campeonato até a última prova do ano passado, o piloto da Yamaha quer muito mais de 2014. Lutador que é, não vai descansar enquanto não conseguir arrebatar o título que lhe foi tirado. E já provou que é um osso muito duro de roer, mesmo sem uma moto tão veloz como da rival.

Também querendo voltar ao posto de rei está Valentino Rossi. O multicampeão, o maior ídolo da história da MotoGP moderna, viveu uma temporada bem abaixo do esperado no retorno à Yamaha. Ficou longe do trio espanhol e agora quer a revanche. Melhor adaptado e com novo chefe de equipe, Rossi fez uma pré-temporada consistente e mostrou que está de volta.

Assim será formado o bloco da frente, um espetáculo por si só. Mas o Mundial tem muito mais. A MotoGP em 2014 também vem dividida entre regulamento Fábrica e Aberto. A iniciativa é uma nova tentativa de promover maior competitividade, sem deixar de lado a preocupação com os gastos elevados, mas já desperto conflitos entre Honda e Ducati. E é dentro dessa segunda classe que pode aparecer um quinto elemento nesta briga pela ponta: Aleix Espargaró.

Aleix Espargaró é o grande trunfo do regulamento Aberto do Mundial (Foto: Getty Images)


(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Ajudado pelo conjunto bem acertado da Forward e da Yamaha, dentro do regulamento Aberto, o espanhol andou entre os líderes na pré-temporada e já possui anos de casa que o credenciam em uma eventual luta no pelotão da frente. A temporada 2014 também tem seu ponto negativo.

A ausência da etapa de Laguna Seca no Mundial representa uma grande perda e será sentida pelos fãs. Os custos para a realização da prova foram os responsáveis pela desistência dos promotores. O Brasil também ficou de fora do calendário final, mas por falta de tempo hábil para a reforma da pista de Brasília. De lado oposto, a novidade é a entrada finalmente da Argentina.

O Mundial ainda reserva outras pequenas e grandes histórias para 2014. Por isso, o GRANDE PRÊMIO montou um Especial com tudo de mais importante sobre a MotoGP, a Moto2 e a Moto3.

MotoGP adota centralina padrão em 2014
Márquez enfrenta situação inédita no segundo ano na MotoGP
Sem mudanças entre favoritos, MotoGP tem embate entre irmãos
MotoGP tem Honda favorita, Rossi forte e intruso Aleix Espargaró

PROMOÇÃO ESPECIAL: quer acompanha o GP DA CATALUNHA DE MOTOGP? Leitor do GRANDE PRÊMIO tem pacote exclusivo. Veja aqui:

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube