Pole em Indianápolis, Pedrosa fala em asfalto escorregadio e prevê rivais fortes neste domingo

Daniel Pedrosa conquistou a pole-position em Indianápolis neste sábado (18). Espanhol comemorou o resultado, mas manifestou preocupação com as condições do asfalto

Daniel Pedrosa confirmou o excelente ritmo mostrado ao longo do fim de semana e garantiu a pole-position neste sábado (18) ao cravar 1min38s813 na pista de Indianápolis. Após a sessão classificatória, o piloto da Honda afirmou que foi um treino bastante complicado por conta das condições do asfalto.

“Foi uma sessão complicada porque o asfalto estava muito escorregadio e nós vimos muitas quedas feias já na Moto3 e aí na MotoGP”, lembrou. “Parecia que você conseguia controlar, mas, de repente, muitos pilotos caíram. Era crucial manter a concentração e não cometer nenhum erro e fazer um tempo de volta”, frisou.
 

Pedrosa destacou que rivais estão bastante fortes em Indianápolis (Foto: Repsol)


“Estar na pole-position é ótimo em uma pista onde o primeiro setor é muito apertado e é sempre bom ter uma largada limpa”, avaliou. “Fizemos um ótimo trabalho hoje, testando os pneus, trabalhando na moto e nos preparando para as voltas rápidas”, avaliou.

Empolgado com o resultado, Dani acredita que tem um bom acerto para a corrida, mas destacou a força de Jorge Lorenzo e Ben Spies. O espanhol também torce para que Casey Stoner possa disputar a prova deste domingo, após ter sofrido um forte acidente na classificação.

“Sinto que temos um ótimo acerto para amanhã. Estamos confiantes para a corrida, mas os outros pilotos também parecem bem”, opinou. “Lorenzo encontrou seu ritmo, Spies está forte aqui e eu espero que Casey não tenha nada sério e possa estar no grid amanhã. Vamos precisar dar o nosso máximo”, encerrou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube