Raúl Fernández vê parte física como crucial para estreia na MotoGP: “É bem mais potente”

Visando mostrar bom desempenho na primeira temporada na MotoGP, Raúl Fernández comentou que mudou a preparação na parte física e revelou os objetivos para o campeonato

O QUE ESPERAR DA ASTON MARTIN NA F1 2022 APÓS PERDER O CHEFE

Raúl Fernández está próximo de finalmente fazer sua estreia na MotoGP. Depois do vice-campeonato da Moto2, o jovem espanhol vai correr pela Tech3, equipe satélite da KTM, que apresentou a moto RC16 nesta quinta-feira (16). Ao seu lado, o companheiro e rival Remy Gardner, também vai correr pela primeira vez na classe rainha do Mundial.

Após a apresentação da moto, Fernández comentou sobre os principais desafios que espera enfrentar na MotoGP e como está sua preparação para a temporada. Os primeiros testes começam no início de fevereiro, na Malásia.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Raúl Fernández na apresentação da nova moto da Tech3 (Foto: KTM)

“Estou muito feliz por fazer minha primeira temporada na MotoGP, é uma grande oportunidade para mim. Lembro que três anos atrás eu estava competindo na Moto3 e agora estou na classe principal, é um prazer”, disse Raúl.

“Neste inverno, me preparei diferente dos anos anteriores visando ganhar músculos e ficar mais forte. A MotoGP é muito mais potente, a frenagem é diferente, tudo exige mais da parte física, então treinei de motocross e bicicleta. Me sinto pronto, meu principal objetivo nesta temporada é evoluir corrida a corrida e curtir cada momento”, completou.

 A pré-temporada da MotoGP começa em 5 de fevereiro, com uma bateria de testes em Sepang, na Malásia. A abertura do campeonato está prevista para 6 de março, no Catar.

Acidente de Adrien Fourmaux em Monte Carlo (Foto: WRC)
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar