Rali

Bicampeão do Dakar, Price é homenageado e escalado para parada dos pilotos no GP da Austrália de F1

A organização do GP da Austrália de F1 decidiu prestar uma homenagem e escalou Toby Price para participar da parada dos pilotos na abertura da temporada 2019. O piloto da KTM conquistou no início do ano sua segunda vitória no Rali Dakar

Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
Toby Price vai ter sua chance na F1. Ou quase isso. O bicampeão do Rali Dakar foi convidado pelos organizadores do GP da Austrália para participar da parada dos pilotos na abertura da temporada 2019.
 
No início do ano, o piloto da KTM conquistou de forma memorável sua segunda vitória no Dakar, já que participou da disputa cerca de um mês após fraturar o punho. Price, aliás, precisou passar por uma cirurgia depois da maior e mais dura prova off-road do planeta.
 
Price vai seguir o comboio de pilotos da F1 na parada em Melbourne devidamente montado na KTM com a qual ganhou o rali.
Toby Price vai dar uma volta com a KTM seguindo os pilotos na parada da F1 (Foto: Flavien Duhamel/Red Bull Content Pool)
“Toby Price é o único australiano que já ganhou o Rali Dakar, e ter vencido pela segunda vez, em circunstancias desafiadoras, é uma conquista incrível”, disse Andrew Westacott, diretor-executivo da Australian Grand Prix Corporation, a organização da prova. “Que melhor maneira de celebrar a conquista de Toby do que permitir que ele se junte a 20 de seus pares, que são os melhores pilotos de corrida do mundo, em uma volta de honra num palco mundial?”, seguiu.
 
“Nós estamos entusiasmados por honrar Toby no GP da Austrália de F1 de 2019 e vê-lo receber o reconhecimento mundial que ele merece quando os olhos do mundo estiverem em Melbourne para a etapa de abertura do Mundial de F1”, completou Westacott.
 
Pelas redes sociais, Price celebrou o convite dos organizadores do GP da Austrália e se disse empolgado com a oportunidade.
 
“Muito feliz por ter a chance de fazer uma volta de honra na F1 em Melbourne na moto de rali da KTM”, escreveu Toby. “Obrigado a todos que tornaram isso possível. Estou empolgado”, concluiu.
 
O GP da Austrália de F1 acontece no dia 17 de março.