Mundial de Superbike pega carona na MotoGP e anuncia inclusão da Argentina no calendário com etapa em San Juan

A Dorna, promotora dos Mundiais de Motovelocidade e Superbike, aproveitou a etapa de Termas de Río Hondo para anunciar a inclusão da Argentina no calendário da série das motos de produção. Meta é realizar a corrida a partir de 2018 no circuito El Villicum, na província de San Juan

 
A Argentina está cada vez mais dentro do esporte a motor. Neste domingo (9), a Dorna aproveitou a passagem do Mundial de Motovelocidade por Termas de Río Hondo para anunciar a inclusão do país no calendário do Mundial de Superbike. A prova, no entanto, não será realizada em Santiago del Estero, mas no Autódromo El Villicum, ainda em construção na província de San Juan.
 
O traçado de Villicum, que tem 4.266 metros, ainda está em obras. Governador da província de San Juan, Sergio Uñac afirmou que a pista já está 60% pronta e deve ser concluída ainda neste ano. Os trabalhos estruturais devem ser feitos no primeiro semestre de 2018. Até aqui, o investimento no circuito é de $ 170 milhões (cerca de R$ 34,9 milhões), mas o montante final pode chegar ao triplo deste valor ao fim das obras.

O governador da província mostrou animação com todo o projeto, dizendo que "o circuito colocará  San Juan no coração do esporte, com grandes categorias descobrindo o incrível Autódromo El Villicum". Ainda, planeja-se um hotel nas redondezas da pista, que é "uma das necessidades para colocar o circuito em nível internacional".

O arquiteto do circuito chama-se Leonardo Stella. Com quatro layouts principais e seis secundários, os pilotos percorrerão a pista de 16 metros de largura e 19 curvas, 11 para a esquerda e oito para a direita, no sentido anti-horário.

Layout do circuito de San Juan (Foto: Mundial de Superbike)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Em uma coletiva de imprensa realizada em Termas de Río Hondo neste domingo, a organização do certame revelou que a meta é correr em San Juan em outubro do próximo ano, no que será a primeira visita do Mundial de Superbike à América do Sul.

 
A organização da etapa argentina do Mundial de Superbike também será feita pelo Grupo OSD, o mesmo responsável pela prova do Mundial de Motovelocidade. O acordo é de três anos.
 
No início da semana, Franco Uncini, comissário de segurança da FIM (Federação Internacional de Motociclismo), esteve no traçado para uma vistoria inicial. A meta dos responsáveis pela pista é obter a homologação máxima da entidade de controla as corridas de moto e também da FIA (Federação Internacional de Automobilismo).

Carmelo Ezpeleta, diretor-executivo da Dorna, mostrou grande satisfação com a etapa em terras argentinas. "Sem dúvidas essas são ótimas notícias. Saber que a Argentina terá uma etapa do Mundial de Superbike é um sólido passo à frente. A presença dos dois campeonatos mundiais mais importantes da motovelocidade na Argentina reflete a paixão do país, que tem uma vasta e forte história no esporte a motor", explicou.

Quem também se pronunciou foi o diretor-executivo do Mundial de Superbike, Daniel Carrera. O dirigente ressaltou o bom circuito que está sendo construído. "Estamos muito orgulhosos que o governo de San Juan escolheu o Mundial de Superbike para ajudar no desenvolvimento econômico do circuito. O Autódromo El Villicum é um grande projeto, com um traçado animador que com certeza será muito bem recebido pelo nosso paddock e todos os fãs de nosso esporte na Argentina".

 
PADDOCK GP #72 TRAZ ÁTILA ABREU E DISCUTE ETAPAS DA STOCK CAR, F1, INDY E MOTOGP

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube