3º com respaldo da equipe, Hamilton diz que Rosberg merecia pódio: "Nico é quem deveria estar aqui"

O piloto britânico disse que o companheiro de equipe é quem deveria subir ao pódio por ter feito uma corrida mais inteligente neste domingo. Para evitar qualquer polêmica, Lewis afirmou que fará as pazes com o alemão

Hamilton disse que Nico mereceu o pódio em Sepang (Foto: Getty Images)

Não foi só a Red Bull que teve um GP da Malásia polêmico envolvendo ordens de equipe. Na Mercedes aconteceu a mesma coisa. Entretanto, ao contrário dos rubro-taurinos, onde Sebastian Vettel ignorou o acordo e superou Mark Webber, na equipe alemã Nico Rosberg acatou a estratégia e terminou atrás de Lewis Hamilton, mesmo com um carro mais rápido que o do companheiro.

Por causa disso, no pódio, o inglês afirmou que era Rosberg quem deveria ter terminado em terceiro e comemorado. Afinal, o alemão não teve problemas durante a corrida deste domingo (24), enquanto o britânico sofreu com a degradação de pneus e ainda teve que economizar combustível.

“Sendo honesto, eu sinto que Nico é quem deveria estar aqui no pódio”, disse Hamilton. “Ele teve um ritmo melhor durante toda a corrida. Nós estávamos com um ritmo muito forte para seguir a Red Bull de perto. Estávamos próximos, com a faca nos dentes, mas eu gastei muito combustível”, declarou.

No final da prova, o britânico explicou que precisou tirar o pé para poupar gasolina. Enquanto isso, Rosberg, mais rápido, insistia pelo rádio que deveria passar o companheiro de equipe. Hamilton afirmou que não sabia em que situação estava o alemão, mas disse que poderia ter conseguido um resultado melhor neste domingo.

“Também foi muito difícil fazer os pneus durarem, particularmente para mim. Eu não consegui fazê-los aguentar o tanto quanto eu queria e também precisei economizar combustível desde o começo da corrida, o que me fez perder muito tempo. Eu não sabia da situação de Nico, mas eu posso fazer um trabalho melhor com os pneus”, disse.

Para evitar qualquer polêmica, o campeão do mundo de 2008 afirmou que vai conversar com Rosberg para esclarecer a situação. “Ele é um grande companheiro de equipe. Vou falar com o time, pedir desculpas. Eu disse a e ele que fez um trabalho fantástico”, disse.

“Nico merecia estar aqui. Por causa do campeonato, a equipe pensou que fosse a lógica manter essas posições, mas Nico foi mais esperto e controlou a corrida hoje melhor do que eu. Se eu o deixarei passar no futuro? Provavelmente”, acrescentou Hamilton, quando perguntado se ele agora está devendo uma para Rosberg.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube