Após 1ª vitória, Pérez se vê no auge e descarta deixar Fórmula 1: “Quero mais no esporte”

Mesmo que não consiga a almejada vaga na Red Bull e fique fora do grid na próxima temporada, Sergio Pérez deixou claro que não será o fim na Fórmula 1. A vitória incrível lograda no último GP de Sakhir fez com que o mexicano mudasse seus planos para o futuro na carreira

Nos últimos meses, em meio a toda a indefinição sobre seu futuro na Fórmula 1, Sergio Pérez chegou a assumir que poderia até deixar de vez a categoria se não conseguisse uma vaga para o ano que vem. Dispensado da Racing Point/Aston Martin para dar lugar a Sebastian Vettel em 2021, o mexicano de Guadalajara tem apenas uma opção para seguir no grid na próxima temporada: ser contratado pela Red Bull. Mas a grande vitória lograda no último domingo do GP de Sakhir faz Pérez ter certeza que, independente do que acontecer sobre a equipe taurina, sua história no Mundial está longe do fim.

“Acredito que estou no auge da minha carreira, e os melhores anos estão por vir. Quero mais no esporte”, declarou ‘Checo’ em entrevista coletiva concedida na última quinta-feira (10) em Yas Marina, palco do GP de Abu Dhabi de Fórmula 1.

Sergio Pérez venceu pela primeira vez na Fórmula 1 (Foto: Racing Point)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Pérez entende que o triunfo obtido em Sakhir dá a certeza que, se foi possível da primeira vez, será possível conquistar outro na Fórmula 1. “Depois que você consegue a primeira, você sabe o que tem de fazer de novo, e quero alcançar isso mais vezes novamente”.

Mas, por outro lado, por mais que se veja na grande fase da carreira, ‘Checo’ lamenta por não ter condições de dizer algo sobre a sequência da sua trajetória na F1. “Não estou no controle do meu futuro no momento. E isso é algo que incomoda muito, obviamente”.

Questionado sobre Lawrence Stroll e se a vitória no Bahrein foi uma resposta depois de uma dispensa inesperada da equipe, Pérez foi por outro caminho e falou em gratidão ao empresário canadense.

“Dou grande crédito ao Lawrence porque, quando ele veio para a equipe, graças a ele e de certa forma, foi que esta vitória veio. Ele levou toda a equipe a um nível diferente com o nível de investimento que fez, e eu pude tirar vantagem disso com essa vitória”, concluiu.

O GP de Abu Dhabi marca o desfecho da temporada 2020 do Mundial de Fórmula 1. O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube