Chefe da Red Bull se preocupa e já vê evolução da McLaren em 2021 como “ameaça”

Christian Horner reconhece evolução da McLaren no campeonato e projeta disputa pelo título, torcendo por uma punição para a Mercedes até o fim do ano

Com 64 pontos conquistados apenas nas últimas duas corridas, nenhuma equipe somou tantos pontos quanto a McLaren neste período. A dobradinha na Itália e a quase vitória de Lando Norris na Rússia chamaram a atenção do paddock para os carros laranja, incluindo dos postulantes ao título desta temporada.

Chefe de equipe da Red Bull, Christian Horner reconheceu a evolução alcançada pela equipe inglesa, que nos últimos anos havia se afastado do primeiro pelotão do campeonato, inclusive com dificuldades para alcançar os times do meio. Em 2021, a McLaren ocupa a terceira colocação no Mundial de Construtores, atrás apenas da Mercedes e da própria equipe dos energéticos.

“Acho que eles fizeram um grande progresso este ano. Em certos circuitos eles andam bem, outros são mais desafiadores para eles”, avaliou. “Lando Norris merecia vencer a corrida (na Rússia), mas tenho certeza de que há circuitos daqui até o fim do ano em que eles vão se dar bem”, acrescentou o dirigente.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Lando Norris conquistou a pole-position para o GP da Rússia e só ficou fora da briga pela vitória por causa de um pit-stop tardio com chuva (Foto: AFP)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Horner, naturalmente, está preocupado com a briga pelo título. Com Max Verstappen apenas dois pontos atrás de Lewis Hamilton e a Red Bull tentando alcançar a Mercedes também entre as equipes, ainda 33 pontos atrás, o chefe inglês traçou um panorama do que ainda está por vir, especialmente no que diz respeito à troca de motor da rival.

Na Rússia, a Red Bull optou por trocar os componentes da unidade de potência do carro de Verstappen, derrubando o holandês para o fundo do grid. No entanto, em uma corrida de recuperação, o carro #33 conseguiu terminar na segunda colocação. Agora, fica a expectativa quanto à Mercedes.

“Não temos essa informação, mas com a quantidade de motores Mercedes que estão sendo trocados em equipes irmãs e clientes, espera-se que tenha uma punição. Mas não podemos depender disso”, encerrou.

LEIA TAMBÉM
McLaren vive segundo semestre de sonho e encaminha ida à ‘F1 A’

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar