Como forma de avaliação para 2018, Toro Rosso decide colocar Gasly no lugar de Kvyat no GP da Malásia, diz site

De acordo com informações do site ‘Motorsport.com’, a Toro Rosso deve promover Pierre Gasly ao posto de titular já neste fim de semana, na Malásia. A ideia é colocar o jovem francês no lugar de Daniil Kvyat como forma de avaliá-lo para a temporada 2018 da F1

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Pierre Gasly está pronto para assumir o lugar de Daniil Kvyat na Toro Rosso, neste fim de semana, na Malásia, onde a F1 disputa a 15ª etapa da temporada 2017. A informação é do site norte-americano 'Motorsport.com' em sua versão italiana. 

De acordo com a publicação, a cúpula da Red Bull decidiu dar ao francês uma chance como forma de avaliá-lo antes de fechar um acordo para promovê-lo a titular na equipe de Faenza em 2018. Inicialmente, a ideia era colocar o piloto de 21 anos no lugar de Carlos Sainz também em Sepang, caso o espanhol já tivesse sido chamado pela Renault

 
No entanto, Jolyon Palmer conseguiu se garantir no carro francês e deve mesmo completar a temporada como titular ao lado de Nico Hülkenberg. A verdade é que o inglês tirou um pouco da pressão sob si mesmo depois da boa atuação no GP de Singapura, onde terminou na sexta colocação. 
 
Sainz também foi muito bem em Marina Bay ao cruzar a linha de chegada no quarto posto, o que também ajudou a convencer a Toro Rosso a seguir com o piloto. Além disso, já que uma mudança precoce para a Renault também parece pouco provável – apesar do contrato já firmado para 2018 –, a esquadra chefiada por Franz Tost prefere ter um espanhol até por conta da pontuação. 
Pierre Gasly é o reserva da Red Bull (Foto: Red Bull Content Pool)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

No momento, o time está a sete pontos da quinta colocada, Williams, e mais dez à frente da Renault. Daí a escolha por deixar Kvyat em casa – o russo, aliás, vem em uma temporada bem irregular na comparação com a do companheiro de equipe. Enquanto Carlos aparece na nona posição do Mundial de Pilotos, Daniil é apenas o 19º. A diferença entre os dois é de 44 pontos.

 
Ainda segundo 'Motorsport.com', Gasly corre também o GP do Japão, mas vai ficar fora da etapa dos EUA, porque a data coincide com a rodada final da japonesa Super Fórmula, campeonato que o francês disputa em 2017. Vice-líder, Pierre está na luta pelo título. Além da categoria, o piloto também guiou na F-E neste ano, substituindo Sébastien Buemi na e.dams na rodada de Nova York.
 
Kvyat, por outro lado, segue com futuro incerto na Red Bull. Daniil já sofreu um revés duro no ano passado, quando a marca austríaca decidiu tirá-lo da equipe principal, promovendo Max Verstappen ao posto de titular. Atualmente, Gasly ocupa o cargo de piloto reserva dos tetracampeões. 
’SOLDADINHO’ DA PENSKE?

CASTRONEVES TEM FALTA DE TÍTULO COMO MANCHA NA CARREIRA  

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube