Consultor da Red Bull critica Tsunoda por acidente e rodada em Ímola: “Foi arrogante”

Consultor da Red Bull, Helmut Marko, viu atitude "arrogante" de Yuki Tsunoda, da AlphaTauri, após erros cometidos no fim de semana do GP da Emília-Romanha

Assista aos melhores momentos do GP da Emília-Romanha de F1 (Vídeo: GRANDE PRÊMIO com Reuters)

Ao longo do final de semana do GP da Emília-Romanha, realizado no último domingo (18), Helmut Marko, consultor da Red Bull, não poupou críticas a seus comandados. O alvo da vez foi o piloto da AlphaTauri, Yuki Tsunoda, que foi chamado de “arrogante” por Marko após abandonar o treino classificatório no Q1 e por ter rodado na relargada da corrida. Tsunoda chegou a sofrer uma punição de 5s e terminou apenas em 12º lugar.

Ao longo do final de semana em Ímola, Helmut Marko já havia criticado duramente Sergio Pérez, da Red Bull, por conta de uma colisão do mexicano com Esteban Ocon, da Alpine, no treino livre 1, na sexta-feira.

Desta vez, o alvo das críticas foi o japonês da AlphaTauri. Nem mesmo Yuki, coberto de elogios por Marko nas últimas semanas, escapou da metralhadora verbal do ex-piloto austríaco. Depois do GP do Bahrein, Helmut chegou até mesmo a afirmar que Tsunoda é uma “nova estrela” e que tem potencial até mesmo para ser campeão na F1. Três semanas depois, o discurso é completamente oposto.

“O Yuki tinha um carro rápido. Certamente ele conseguiria um lugar no Q3. Foi apenas um erro estúpido e você não pode diminuir isso. Eu conversei com o Yuki após a corrida. Ele estava completamente arrependido”, declarou Marko em entrevista à emissora austríaca ServusTV, parceira da Red Bull.

“Ele teve ótimos tempos nos setores na primeira volta, mas marcar um ótimo tempo na primeira volta não muda nada. Foi arrogante”, afirmou.

Yuki Tsunoda, acidente, AlphaTauri, F1, Emilia-Romanha, Classificação
Yuki Tsunoda se acidentou no Q1 da classificação na Emília-Romanha. Já no domingo, japonês acabou rodando na relargada limando suas chances de pontuação. (Foto: Reprodução)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Após sua segunda corrida na Fórmula 1, Tsunoda assumiu os erros no Q1 e na corrida, salientou sua adaptação na categoria e lamentou não ter pontuado em Ímola.

“Fui muito agressivo na curva 2. Depois, meu ritmo estava muito bom, foi uma pena ter rodado na primeira volta e não ter conseguido os pontos. Sinto muito pela equipe, no geral. Esse final de semana foi duro para mim. Mas vou aprender com isso para melhorar na próxima vez. Era possível termos conquistado pontos dessa vez, mas como eu disse, essa é uma curva de aprendizagem, apenas não farei isso de novo na próxima vez e terei uma corrida melhor”, prometeu.

“Para mim, no Q1 foi completamente erro meu. Até no Q1, quando vi a performance geral do carro esta semana, eu não tinha que der forçado o carro como eu fiz. Não sei o motivo, apenas forcei muito, apesar de não ter precisado”, concluiu Tsunoda.

A próxima etapa da F1 acontece em 2 de maio. A categoria vai para Portimão, casa do GP de Portugal.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar