Ricciardo vê melhora na 2ª metade de 2021, mas assume: “Preciso dar mais um passo”

Australiano reconheceu que não está impressionado com a própria atuação na temporada 2021 da Fórmula 1, mas avaliou que conseguiu dar um passo em termos de performance ao longo do ano

Daniel Ricciardo reconhece que precisa dar mais um passo para apresentar uma performance melhor com a McLaren na temporada 2022 da Fórmula 1. O australiano assumiu que não ficou lá muito impressionado com a própria performance neste ano, mas avaliou que conseguiu avançar um pouco ao longo da disputa.

Na temporada de estreia pela escuderia de Woking, Ricciardo fechou o ano com o oitavo posto no Mundial de Pilotos, 280,5 pontos atrás de Max Verstappen, o campeão. Companheiro de equipe, Lando Norris ficou com a sexta colocação, com 45 pontos a mais do que o piloto de 32 anos.

LEIA TAMBÉM
Mercedes encerra protesto e parabeniza Verstappen, mas pressiona FIA por clareza
Mercedes diz que “interpretação freestyle” da regra fez Hamilton “alvo fácil” em Abu Dhabi
Mercedes evita fadiga inútil nos tribunais e acumula poder na F1 com vantagem sobre FIA
Presidente da FIA vê F1 “muito permissiva” com críticas: “Ninguém é perseguido”

Daniel Ricciardo fez um balanço intermediário da temporada na F1 (Foto: McLaren)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Questionado pela publicação britânica sobre qual o balanço de 2021, Ricciardo respondeu: “Não começou bem, melhorou, mas ainda teve alguns tropeços”.

“Definitivamente, estou mais feliz com a segunda metade, mas ainda tem algumas coisas em que posso trabalhar, então, com certeza, não estou impressionado com isso”, comentou.

Na avaliação de Daniel, houve melhora ao longo do ano, mas é preciso mais para conseguir ser mais competitivo, especialmente em termos de classificação.

“Digamos que dei um passo, mas, claramente, ainda preciso dar mais um no próximo ano para chegar onde quero estar. E, provavelmente, mais nos sábados para me dar aquela posição de pista no domingo e me manter fora daquela bagunça. É nisso que vou trabalhar”, avisou.

VERSTAPPEN JÁ ESTÁ NO TOP-5 DOS MELHORES DO SÉCULO NA F1?
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar