Foto: antes de “uma das vitórias mais fáceis” de Rosberg, jornal da Red Bull já dava Hamilton como vencedor na Áustria

O 'Red Bulletin', jornal humorístico distribuído pela Red Bull, previu no domingo o futuro da F1: vitória de Lewis Hamilton no GP da Áustria, nos próximos GPs e também nos próximos campeonatos. Nico Rosberg ficou sem entender muito bem...

Nico Rosberg terminou o domingo sem entender muito bem a capa do 'Red Bulletin' distribuído horas antes em Spielberg. O jornal humorístico da Red Bull 'previu o futuro' da F1 antes da largada, com vitória de Lewis Hamilton não só no GP da Áustria, mas em várias outras provas e campeonatos.

"Hamilton vence em Spielberg, Monza, Cingapura, Suzuka e Abu Dhabi em 2015, 2016, 2017, 2018 e 2019", destacava o texto na capa do jornal. Na parte inferior, na linha amarela, o tamanho do destaque: "Furo mundial: o futuro da F1."

O 'Red Bulletin' é um jornal de humor produzido pela Red Bull (Foto: Reprodução)

O que aconteceu, no entanto, foi que Rosberg conquistou "uma das vitórias mais fáceis" das 11 da carreira na F1.

O alemão da Mercedes saiu na segunda posição do grid, mas saltou para a ponta na largada ao ultrapassar Hamilton e dominou até a bandeirada. O triunfo ainda ficou facilitado por um erro de Hamilton na saída dos boxes, ao relar na linha branca e receber uma punição de 5s.

Esta foi a terceira vitória de Rosberg em 2015, que reduziu a diferença entre ele e o líder do campeonato para apenas dez pontos. Coincidentemente, Nico ganhou todas as três provas realizadas na Europa.

Pior que esta não foi a única 'confusão' envolvendo os pilotos da Mercedes. Convidado para conduzir as entrevistas no pódio, o ex-piloto Gerhard Berger se despediu de Rosberg dizendo 'parabéns, Lewis'.

Rosberg ficou sem entender bem a capa do Red Bulletin (Foto: Reprodução)

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube