GP às 10: Mercedes começa mal e Red Bull é favorita (mas não ao título) na F1 2021

O GP às 10 desta quinta-feira (24) fala sobre as dificuldades da Mercedes e o favoritismo da Red Bull. Flavio Gomes entende que os atuais campeões vão levar mais tempo para pegar os taurinos, "ao menos umas cinco corridas"

Como foi o terceiro e último dia de testes de pré-temporada da F1 em Sakhir (Vídeo: GRANDE PRÊMIO)

A Fórmula 1 volta para valer neste fim de semana com o GP do Bahrein, então é o momento de analisar quem entra favorito e quem ainda precisa de mais tempo. Diante de uma pré-temporada truncada, a Red Bull surge favorita, na opinião de Flavio Gomes. E a Mercedes? Vai começar mal.

O jornalista entende que os taurinos se apresentaram muito bem durante os testes e tem um carro forte, com um desempenho muito sólido, além de um moto melhor. A equipe também conta com o talento de Max Verstappen, que agora vai ter um companheiro de equipe mais competitivo em Sergio Pérez.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

WEB STORIES: Band se prepara para transmitir F1 até champanhe acabar’

Só que, apesar do conjunto afiado, os energéticos não vão levar o campeonato, mas vão liderar a F1 ao menos nas cinco primeiras corridas.

A Mercedes, por outro lado, vai começar mal o campeonato, segundo Gomes. A esquadra de Lewis Hamilton enfrentou problemas em Sakhir e vai precisar de tempo para se recuperar.

ASSISTA ABAIXO:

GUIA F1 2021
+F1 se prepara para duelo Hamilton x Verstappen em ano pandêmico e incerto
+Mercedes enfrenta revés com carro instável, mas abre temporada favorita
+Verstappen encara perspectiva de briga por título e desafio com Pérez

+Gasly muda de patamar e se mostra pronto para liderar AlphaTauri
+McLaren ganha reforços e mira consolidação no top-3 da Fórmula 1
+Alpine ousa com carro arrojado e mira top-3 no retorno de Alonso

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube