Hülkenberg fala em “carros seriamente rápidos” e diz não saber potencial do VJM07 em classificação

Apesar da enorme confiabilidade do VJM07, Nico Hülkenberg reconheceu que não sabe se a Force India tem o mesmo desempenho de Williams e Mercedes em ritmo de classificação

Nico Hülkenberg admitiu que, embora a Force India tenha apresentado enorme confiabilidade com o seu VJM07 nesta pré-temporada, ainda não tem certeza se o modelo é rápido o suficiente em ritmo de classificação para se igualar ao desempenho dos carros da Mercedes e da Williams, quando o Mundial começar em 16 de março.

O alemão afirmou também que existem "alguns carros seriamente rápidos" e que, por isso, é difícil prever o comportamento do bólido indiano. Sergio Pérez, companheiro de Hülk no time de Vijay Mallya, liderou os dois primeiros dias desta semana de testes finais no Bahrein, enquanto o germânico ultrapassou, neste sábado, a marca de 100 voltas, mas não andou com pouco combustível em nenhum momento.

Mas hoje Nico Hülkenberg foi só o sexto neste sábado (Foto: Getty Images)

"Há alguns carros seriamente rápidos", afirmou o piloto. "A Williams fez um tempo muito bom no sábado, um tempo bastante decente, então não sei como estamos com relação a eles", explicou Hülkenberg.

"As equipes progrediram muito. Quando deixei o carro na semana passada e, em seguida, voltei no sábado, já senti uma grande diferença. Foi um trabalho bem feito do time, o que é bom e é do jeito que deveria ser também", completou.

Apesar do desempenho expressivo, o piloto afirmou que não há garantia de que a Force India vai terminar a primeira corrida da temporada. "Há uma chance de conseguirmos um bom resultado. É bom mostrar essa confiabilidade toda aqui, mas é mais importante ter isso em Melbourne. Ninguém sabe o que vai acontecer. Está escrito nas estrelas. Vamos nos manter concentrados e trabalhando firme na melhor preparação possível", acrescentou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube