Button e Rosberg acreditam na permanência de Hamilton na F1 2022: “Voltará lutando”

Embora Toto Wolff, chefe de equipe da Mercedes, tenha colocado como incerta a permanência de Lewis Hamilton na Fórmula 1, os ex-pilotos e também campeões, Jenson Button e Nico Rosberg, acreditam na continuidade do heptacampeão mundial

A dramática última volta do GP de Abu Dhabi de F1 (Vídeo: TSN)

Ainda que tenha firmado contrato até 2023 com a Mercedes, Toto Wolff, chefe da equipe alemã, deu uma declaração enigmática a respeito do futuro de Lewis Hamilton na Fórmula 1: ele disse temer pela continuidade do heptacampeão mundial, após a derrota no Mundial de Pilotos para Max Verstappen, o mais novo campeão da F1. No entanto, os ex-pilotos e também campeões, Jenson Button e Nico Rosberg, acreditam na permanência de Lewis na categoria.

Button, que conquistou o título de 2009 na F1, diz que não vê o dono do carro #44 desistindo de 2022. Embora enfatize que não sabe exatamente o que Hamilton pensa, ele crê que o piloto da Mercedes permanecerá no grid.

“Tudo é possível, como todos nós sabemos no esporte. Somos personagens muito emotivos e as tensões são altas”, disse Button, em entrevista a Sky Sports News.

“Eu não conheço Lewis muito bem agora, eu o conhecia melhor há sete ou oito anos, mas eu não o veria indo embora, especialmente porque ele acabou de perder o campeonato mundial. Eu acho que ele vai voltar lutando no próximo ano”, acrescentou.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Lewis Hamilton foi derrotado por Max Verstappen só na volta final em Abu Dhabi (Foto: Mercedes)

Campeão mundial em 2016, Rosberg compartilha da mesma opinião de Button. Para ele, seu ex-companheiro de equipe não vai desistir tão fácil, ainda que a derrota para Verstappen tenha sido doída.

“Foi de partir o coração para ele, com certeza, porque até quatro voltas do final ele tinha quase certeza que seria o campeão mundial. Aí com essa mudança de procedimento ou como você quiser chamar, de repente ele perdeu o campeonato mundial. Então deve ser difícil, extremamente difícil”, enfatizou. “Mas é claro que conto com ele de volta ao grid no próximo ano e lutando para voltar àquele campeonato mundial que de certa forma foi tirado dele”, completou.

Em relação à rivalidade com o piloto da Red Bull, Nico, que também teve seus entreveros com Lewis em 2016, espera que a disputa entre os dois seja uma crescente. Ele reitera que o nível de pilotagem dos dois competidores está um nível acima e, por isso, espera por mais um campeonato acirrado.

“Foi tão incrível, aqueles dois caras. Lewis costumava ser, ou é, o melhor piloto de disputas roda a roda, e aí vem Verstappen, que está realmente levando isso a ele nas corridas roda a roda e, às vezes, até mesmo sendo melhor que ele”, seguiu.

“É incrível ver suas habilidades e vê-los em ação. Eles são como em seu próprio planeta, estão muito além de todos os outros. Espero ver isso novamente no próximo ano. Mas há regulamentos completamente novos no próximo ano então pode haver outro time na mistura também. Acho que teremos outra grande temporada”, concluiu.  

F1 2021 ACABA: FIA ASSUME CULPA. HAMILTON NÃO VAI À FESTA | WGP

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar