F1

Leclerc celebra melhora de desempenho da Ferrari no GP do Bahrein: “Eles devem se orgulhar”

Após problema de motor que impediu a vitória no GP do Bahrein, Charles Leclerc elogiou o trabalho da Ferrari durante todo o final de semana, tendo liderado também treinos livres e anotado pole-position. O piloto monegasco comentou a melhora de desempenho em relação à corrida de estreia pela equipe, na Austrália

Grande Prêmio / Redação GP, de Campinas
Charles Leclerc tinha tudo para vencer pela primeira vez na F1 no GP do Bahrein, realizado no último domingo (31), mas um problema de motor nas voltas finais tirou o triunfo das mãos do monegasco, que terminou a prova em terceiro, atrás de Lewis Hamilton e Valtteri Bottas. Dias após o momento complicado, Leclerc decidiu olhar pelo lado positivo.

O piloto da Ferrari anotou sua primeira pole-position na carreira, e elogiou o trabalho do time italiano durante o fim de semana no Bahrein. A equipe liderou todas as sessões de treinos e fez a dobradinha na classificação.

"Foi um final de semana inesquecível pra mim. Eles me deram um carro ótimo durante o fim de semana. Eles devem se orgulhar disso", disse Leclerc. "Durante a corrida, fomos muito fortes até os problemas aparecerem. Óbvio que é uma grande decepção, não só pra mim, mas para o time inteiro em não terminar onde merecíamos. Mas devemos ficar felizes e orgulhosos do que alcançamos", declarou.
Charles Leclerc (Foto: Beto Issa)
Leclerc também falou da melhora de desempenho em relação à estreia pela Ferrari, na Austrália, quando terminou apenas na quinta colocação. A corrida foi marcada por um episódio de ordem de equipe, quando a escuderia não permitiu que o monegasco ultrapassasse o tetracampeão Sebastian Vettel.
 
"Na corrida, senti que fiz um trabalho muito bom em comparação à Melbourne, onde errei muito. Com isso, estou feliz. Ainda tenho muito o que melhorar, e irei trabalhar nisso. Tenho uma tendência a focar nos negativos de um fim de semana, e são coisas que definitivamente vou melhorar. Vou tentar trabalhar em cima disso", completou.