Verstappen vira jogo contra Hamilton e assume liderança na F1. Confira classificação

Max Verstappen fez história neste domingo e é o primeiro holandês a tomar a liderança do Mundial de Pilotos. O holandês, graças à vitória e também ao sétimo lugar de Lewis Hamilton em Mônaco, agora tem 105 pontos, contra 101 do heptacampeão. No Mundial de Construtores, a Mercedes foi superada pela primeira vez desde o GP da Inglaterra de 2018

Charles Leclerc teve problema no câmbio e não conseguiu largar da pole-position (Vídeo: Reprodução/Twitter/Sky Sports)

Em termos de ação, o GP de Mônaco deste domingo (23) foi uma decepção, com praticamente nenhuma grande disputa por posição ao longo das 78 voltas de corrida. Entretanto, quanto às tabelas do Mundial de Pilotos e do Mundial de Construtores, a Fórmula 1 viu muitas mudanças significativas e, algumas, até históricas. A começar por Max Verstappen, o novo líder do campeonato depois de triunfar nas ruas do Principado. O piloto da Red Bull é o primeiro holandês a comandar a tabela de pontos da Fórmula 1 na história.

+ A classificação do Mundial de Pilotos e de Construtores depois do GP de Mônaco de F1

A vitória inapelável de Verstappen em Mônaco, combinada com o discretíssimo sétimo lugar de Lewis Hamilton, amenizado pelo ponto extra em razão da melhor volta da corrida, deixa agora o holandês de 23 anos em primeiro lugar com 105 pontos, contra 101 de Hamilton.

Dono de mais um pódio na temporada, Lando Norris, com a McLaren, subiu para 56 pontos e reassumiu a terceira colocação no campeonato depois de passar Valtteri Bottas. O finlandês zerou no fim de semana depois de ter sido vítima de um problema na troca de pneus em Mônaco. Para piorar, o piloto da Mercedes, que segue com 47 pontos, está apenas 3 à frente de Sergio Pérez, que alcançou seu melhor resultado com a Red Bull ao terminar em quarto neste domingo.

Max Verstappen faz a festa após triunfar no Principado. De quebra, holandês assumiu a ponta do Mundial de Pilotos (Foto: Red Bull Pool Content/Getty Images)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Charles Leclerc, dono do maior revés deste domingo ao perder a chance de largar na pole em razão de um alegado problema no eixo de transmissão da Ferrari, estacionou nos 40 pontos e se coloca em sexto no campeonato, agora só 2 tentos à frente de Carlos Sainz, que marcou seu melhor resultado com a Ferrari e subiu ao pódio do GP de Mônaco ao finalizar em segundo lugar.

Daniel Ricciardo, após nova má exibição na temporada, segue com 24 pontos e está em oitavo, à frente de Pierre Gasly, que marcou o sexto lugar em Mônaco. O francês tem 16 tentos, contra 12 de Esteban Ocon, nono lugar com a Alpine neste domingo. Destaque também para Sebastian Vettel, quinto colocado neste domingo, marcando assim seus primeiros pontos com a Aston Martin. Quem também pontuou pela primeira vez no ano foi Antonio Giovinazzi, da Alfa Romeo, décimo colocado no Principado.

No Mundial de Construtores, a disputa está muito acirrada depois do GP de Mônaco. A Red Bull lidera o campeonato pela primeira vez na era híbrida dos motores, que vigora desde 2014, e tem 149 pontos, contra 148 da Mercedes, tendo só 1 tento de vantagem.

Também está ainda mais apertada a briga pelo terceiro lugar. A McLaren segue em terceiro, com 80, mas a Ferrari está muito perto, com 78 pontos. Da mesma forma, há briga também pelo quinto posto: a Aston Martin tem 19 pontos, contra 18 da Alpine, enquanto a Alfa Romeo pontuou pela primeira vez no ano graças a Giovinazzi neste domingo. Williams e Haas seguem zeradas na tabela.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar