F1

Próxima de renovação com F1, Monza fala em obras e aponta negociação complicada com Liberty Media

Presidente do Automóvel Clube da Itália, Angelo Sticchi Damiani falou sobre as questões financeiras do circuito de Monza, que precisa de uma reforma próxima ao seu centenário. Ele comentou que uma renovação de contrato com a F1 está próxima, mas a negociação com o Liberty Media é complicada

Grande Prêmio / Redação GP, de Campinas
Uma das provas mais tradicionais do calendário da Fórmula 1, o GP da Itália busca a permanência no calendário em 2020. Angelo Sticchi Damiani, presidente do Automóvel Clube da Itália (ACI), principal entidade do automobilismo na Itália, falou sobre a renovação de contrato com o Liberty Media. Para tal, existe uma negociação "complicada" pela frente e a necessidade de discutir reformas.

Depois de uma proposta feita ao parlamento italiano para um orçamento de € 10 milhões (R$ 43 milhões) anuais serem destinados para a organização da corrida, Damiani falou sobre as necessidades de reforma na pista, que segundo os cálculos atuais, custaria 10 vezes mais que o possível valor destinado pelo governo.

"Já falamos diversas vezes que o circuito de Monza precisa de importantes obras e que na hipótese atual, seria um total de 100 milhões, no mínimo 60 milhões de forma urgente", declarou o presidente.
Romain Grosjean (Foto: Haas)
Em 2022, o histórico autódromo completa 100 anos de existência, e Damiani alertou para a urgência das obras para que o circuito fique do mesmo nível de sua história. O GP da Itália é realizado de forma ininterrputa em Monza desde 1981.
 
"Também dissemos que a ACI está comprometida a ajudar o pagamento da F1 para os promotores e para a organização, e não pode se encarregar dos custos porque o circuito de Monza está datado. Em três anos, completará o centenário e é correto chegar nesta data com um circuito que iguala a sua história. Então, vamos imaginar o nosso pedido por ajuda para o trabalho ser realizado", declarou.

2019 é o último ano de contrato do circuito com a F1, E o presidente citou ajuda financeira do governo local para garantir a corrida em 2020. Porém, Damiani falou de uma negociação difícil e complicada com o grupo Liberty Media, que herdou contratos caros da gestão anterior e que quer reduzir o preço dos próximos vínculos.
 
"Conseguimos encontrar um balanço graças a região da Lombardia. O contrato expira neste ano e devemos renovar para o próximo. Existe uma negociação difícil e complicada com o Liberty Media, que herdou muitos contratos insustentáveis", concluiu.

O GP da Itália de 2019 será a 14ª etapa da temporada e está marcado para acontecer no dia 8 de setembro. A próxima corrida da F1 será na China, no próximo domingo (14), e marca a prova de número 1000 da história da categoria.

O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do GP de Xangai EM TEMPO REAL. O primeiro treino livre está marcado para as 23h (de Brasília) da quinta-feira. Os horários completos estão abaixo.
 

Confira a programação do fim de semana do GP da China de F1
Horários de Brasília, GMT -3

SESSÃO DIA DATA HORA
TL1 Quinta 11/4 23h
TL2 Sexta 12/4 3h
TL3 Sábado 13/4 0h
TC Sábado 13/4 3h
GP Domingo 14/4 3h10

Fórmula 1 2019 AO VIVO 🇨🇳 
Acompanhe todos os treinos livres, classificação e o GP da China aqui


Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.