Racing Point crê em economia de R$ 63 milhões com partes congeladas para 2021

Otmar Szafnauer, chefe da Racing Point, sugeriu que com a homologação e congelamento de diversos componentes do carro para a temporada 2021, as equipes podem poupar algumas dezenas de milhões de reais

Em meio a um ano como nenhum outro, a Fórmula 1 se preocupa em como pode trabalhar para não jogar dinheiro fora entre 2020 e 2021, uma vez que o faturamento será naturalmente afetado com a paralisação. De acordo com o chefe da Racing Point, Otmar Szafnauer, é possível que as equipes poupem mais de £10 milhões – mais de R$ 63 milhões, na cotação do dia – caso repliquem o uso de projetos atuais de diversas partes dos carros em 2021. 
 
Segundo Szafnauer, seria necessário congelar as partes – homologar para que projetos diferentes não possam surgir no ano que vem. Quais partes? chassi, suspensão, câmbio, transmissão, sistema de resfriamento e cubos das rodas, por exemplo. Desta forma, todas as partes feitas para 2020 seguirão utilizadas.
 
"Nós uma vez andamos com um chassi antigo em três provas da temporada seguinte. E não apenas isso: nos anos mais difíceis, as suspensões e transmissões permaneciam sendo as mesmas", afirmou à revista alemã 'Auto Motor und Sport'.
 
"Ao manter o novo chassi, dá para salvar até £1.5 milhão – R$9.5 milhões. Se somarmos a isso a caixa de câmbio e a estrutura de impacto, podemos poupar entre £3 e 5 milhões – R$19 e 32 milhões. Ainda há o cubo das rodas e sistemas de resfriamento, assim podemos tornar o que poupamos bastante significativo. Se você fizer o máximo, é possível poupar £10 milhões – R$63,5 milhões", disse.
Sergio Pérez (Foto: Racing Point)
Embora a F1 já tenha acenado concordar com a medida, a conclusão de quais partes podem ser homologadas depende do tamanho da ainda incerta temporada 2020. Segundo Szafnauer, o congelamento seria bom até para as maiores equipes do grid. "A Mercedes também se beneficia quando não precisa desenhar partes novas", garantiu.
 
O chefe afirmou que, em termos de quantidade, a Racing Point tem o suficiente para dez corridas. Mas pode guardar para o começo da próxima temporada se fabricar mais dez unidades de cada. Para ele, é muito mais eficiente fazer algo assim do que partir para mais uma etapa de desenvolvimento de novas partes quando ainda nem se sabe se a última leva, feita para 2020, funcionou.
 
"Se pedirmos mais dez, podemos poupar inventário para o ano que vem, mas apenas se as partes forem homologadas. Seria a coisa mais estúpida começar a andar no túnel de vento agora e continuar desenvolvendo de maneira cega. Nem sequer sabemos se a primeira atualização [para o GP da Austrália] funcionou", encerrou.
 
O GP do Canadá, marcado para 14 de junho, é a primeira etapa do Mundial dentre aquelas que ainda não foram adiadas, mas a realização segue incerta.
 

 
Paddockast #54
NO ANO DA DANÇA DAS CADEIRAS, QUEM DEVE FICAR SEM CONTRATO?

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

COMO SE PREVENIR DO CORONAVÍRUS:
 

☞ Lave as mãos com água e sabão ou use álcool em gel.
☞ Cubra o nariz e boca ao espirrar ou tossir.
☞ Evite aglomerações se estiver doente.
☞ Mantenha os ambientes bem ventilados.
☞ Não compartilhe objetos pessoais.

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.

assine agora