F1

Red Bull anuncia O'Ward, piloto da Indy, como novo membro do programa de desenvolvimento de pilotos

A Red Bull tem um novo membro no seu famoso programa de desenvolvimento de jovens pilotos. Patrício O’Ward, revelação mexicana que faz sua estreia na Indy neste ano, foi anunciado de forma surpreendente nesta quinta-feira. Seu foco ainda está na categoria americana, seguindo vinculado à Carlin ao longo de 2019, mas o piloto já está de olho na F1

Grande Prêmio / Redação GP, de Sumaré
GRANDE PREMIUM

Pato O'Ward e o sonho de ser o melhor piloto mexicano da história


Patrício O’Ward é o mais novo membro do programa de desenvolvimento de jovens da Red Bull, o Red Bull Junior Team. O mexicano, que completou 20 anos na última segunda-feira (6), é uma das revelações da Indy e faz sua estreia como piloto da Carlin depois de ter conquistado o título da Indy Lights no ano passado. Ainda não está claro se a empresa dos energéticos vai estampar seu touro vermelho no carro #31 de Pato já neste fim de semana de GP de Indianápolis.

O piloto vai seguir com seu programa na Indy, que compreende também as 500 Milhas de Indianápolis, no fim de maio, e o restante das etapas em circuitos mistos — Detroit, Elkhart Lake, Toronto, Mid-Ohio e Portland —, mas já fala com o pensamento voltado para um futuro de olho na Fórmula 1.
 
“Esta é uma grande oportunidade para mim. Naturalmente, todo piloto tem seus olhos para a F1 e daria qualquer coisa para ser campeão do mundo, então me unir ao Red Bull Junior Team, que proporcionou a possibilidade da F1 para muitos pilotos, é fantástico para mim”, comemorou o jovem mexicano.
Pato O'Ward é o mais novo integrante do Red Bull Junior Team (Foto: IndyCar)
“Estou muito feliz por estar competindo na Indy com a Carlin e, além das 500 Milhas de Indianápolis, estamos priorizando os circuitos mistos, então a Indy 500 é a única prova em circuito oval que eu vou fazer”, explicou.
 
“Nós já tivemos sucesso, especialmente considerando o fato de que eu sou um estreante e a Carlin está na sua segunda temporada na Indy. Você não pode deixar de considerar o fato de que nós não temos os 25 anos de experiência que têm as equipes já estabelecidas, então cada vez que você está no top-10 e oferece uma dificuldade a eles significa que você está fazendo um bom trabalho”, comentou O’Ward.
 
“Planejamos seguir fazendo isso a partir deste fim de semana em Indianápolis. É um circuito misto e é uma pista que eu vou muito bem, andei bem lá, então estou bastante ansioso”, complementou.
 
Pato é o primeiro latino-americano no atual grupo de pilotos do Red Bull Junior Team. Além de O’Ward, fazem parte do programa atualmente o austríaco Lucas Auer, o australiano Jack Doohan, o neozelandês Liam Lawson, os britânicos Jonny Edgar, Harry Thompson e Dan Ticktum, o norueguês Dennis Hauger, o japonês Yuki Tsunoda e o estoniano Jüri Vips.
 
Ticktum, aliás, foi escalado pela Red Bull para fazer parte da sessão de testes coletivos que a F1 promove na próxima semana, entre terça e quarta-feira, em Barcelona.

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.