Rosberg avisa que Vettel “tem que ser perfeito” se quiser vencer “muito forte” Leclerc

Nico Rosberg decidiu deixar um recado para Sebastian Vettel. O alemão afirmou que o tetracampeão vai ter que ficar alerta com a chegada de seu novo companheiro, Charles Leclerc, não podendo cometer nenhum erro

Sebastian Vettel vai ter que lidar com um novo companheiro em 2019. Nico Rosberg vê a chegada de Charles Leclerc à Ferrari como um sinal de alerta para o alemão, que agora não vai mais contar com sua zona de conforto.
 
Desde que chegou na esquadra de Maranello, em 2015, o tetracampeão contou com Kimi Räikkönen como companheiro de equipe. Nas quatro temporadas, venceu a disputa interna em todas, inclusive brigando pelo título nos dois últimos anos.
 
Entretanto, em 2019, o monegasco é quem vai ser colega do #5. Ele chega para assumir a vaga do finlandês, que vai assumir um dos carros para a Sauber, equipe para a qual retorna após 18 anos.
Charles Leclerc (Foto: Ferrari)

De olho em tudo, Rosberg afirmou que Sebastian vai precisar levar o jovem piloto bastante a sério. “Vettel precisa estar alerta, pois Leclerc é muito forte e não vai ter mais a zona de conforto de [Kimi] Räikkönen. Agora vai ser diferente, Seb vai ter que ser perfeito caso quiser vencer”, disse em entrevista ao ‘Autosprint’.
 

Leclerc fez, em 2018, sua temporada de estreia na Fórmula 1. Campeão da GP3 em 2016, e da F2 em 2017, fez bom primeiro ano na categoria, terminando a classificação em 13º com 39 pontos. Em comparação, seu companheiro Marcus Ericsson fechou o ano em 17º, com nove pontos.
 
Charles foi o primeiro passo de uma renovação da Ferrari. Além do monegasco, a equipe italiana anunciou nesta semana a saída de Maurício Arrivabene e promoção de Mattia Binoitto para comandar o time. Ainda, informações indicam Pascal Wehrlein como piloto de desenvolvimento.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube