Vettel chega em segundo, mas não garante título em Austin. Confira classificação do campeonato

Piloto da Red Bull não contava com a astúcia de Lewis Hamilton, que venceu e impediu que o alemão abrisse uma vantagem ainda maior para Fernando Alonso. Decisão do título vai ser em Interlagos

Sebastian Vettel fez tudo certo neste domingo (18), em Austin, para, ao menos, chegar na última prova do campeonato com grandes chances de conquistar o título sem depender de uma vitória. Mas ele não contava com a boa prova de Lewis Hamilton, que acabou vencendo o GP dos Estados Unidos. Com o resultado, o piloto da Red Bull aumentou sua vantagem para 13 pontos e ainda tem uma dianteira confortável para Fernando Alonso.

Aliás, o piloto da Ferrari fez uma prova muito discreta neste final de semana. Evitou disputas e administrou o resultado. Ele soma 260 pontos contra 273 de Vettel e ainda tem chances de título, mas depende do resultado do concorrente no GP do Brasil, que acontece na próxima semana.

A vitória consolidou Hamilton como quarto colocado do campeonato. Com 190 pontos, ele está 16 atrás de Kimi Räikkönen, que foi apenas o sexto colocado no Texas. Seu companheiro de equipe, o também inglês, Jenson Button, terminou a prova em quinto e, com o abandono de Mark Webber, segue com chances de terminar o ano na quinta posição – eles estão separados por apenas quatro pontos.

Graças a uma manobra da Ferrari para favorecer Alonso, Massa teve seu câmbio trocado e largou na 11ª colocação, mas fez uma boa prova e finalizou em quarto, garantindo outro bom resultado na segunda metade da temporada. Ocupando a sétima colocação, agora ele tem 107 pontos de vantagem e segue à frente de Romain Grosjean e Nico Rosberg, seus principais concorrentes. Bruno Senna fez outra boa prova, terminou em décimo e pontuou pela terceira corrida seguida.

Nos construtores, a Red Bull conquistou o título pela terceira temporada seguida. Com 440 pontos, a equipe austríaca não pode ser alcançada por Ferrari e McLaren, que ainda brigam pela segunda colocação. Em quarto, a Lotus não pode ser ultrapassada pela Mercedes e termina o ano como melhor equipe depois das três com mais investimento.

F1, Classificação

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube