F1

Vettel responde a Ecclestone, descarta aposentadoria em futuro próximo e avisa: “Eu me sinto no auge”

Recentemente, Bernie Ecclestone falou à imprensa que acredita que Sebastian Vettel não vai seguir por muito tempo como piloto de F1. No entanto, o tetracampeão garante que ainda tem ‘muita lenha pra queimar’ e descartou se aposentar num futuro próximo. Por outro lado, lembrou que apesar do contrato que tem com a Ferrari, “é um pedaço de papel, então vamos ver o que acontece”

Grande Prêmio / Redação GP, de Sumaré
Não faz muito tempo, Sebastian Vettel disse que vai considerar seu futuro na Fórmula 1 depois de 2020, último ano antes de a categoria enfrentar grandes mudanças no seu pacote técnico e também comercial. O tetracampeão chegou a dizer que não vai continuar “simplesmente por estar”, criticando os rumos do esporte. Recentemente, Bernie Ecclestone, ex-chefão da F1, afirmou à revista ‘Sport Bild’ que não vê o alemão saindo da Ferrari, entendendo que sua aposentadoria da F1 aconteceria com o término do seu contrato, exatamente em 2020.
 
Entretanto, Vettel se pronunciou, ainda na China, sobre as declarações de Ecclestone. “Não vou ficar na F1 tanto tempo quanto ele ficou, isso é certeza. Mas espero que eu esteja em forma o quanto ele está hoje quando eu estiver mais velho”, ironizou.
 
Vettel diz que ainda não tem planos para se aposentar da F1. O alemão, mesmo em momento difícil e há 11 corridas sem vitória — a última foi no GP da Bélgica do ano passado —, ainda se vê no melhor da sua forma e muito motivado a seguir lutando por vitórias e títulos.
Sebastian Vettel descartou se aposentar em um futuro próximo (Foto: AFP)
“Não sei, pra ser sincero. No momento eu me sinto no auge, sinto que sei o que estou fazendo. Sou muito, muito autocrítico, muito ambicioso e coloco muitas expectativas em mim mesmo”, comentou o tetracampeão.
 
“Amo pilotar, amo a sensação de velocidade, amo lutar com esses caras, então são muitas coisas neste momento que gosto muito e sentiria falta, por isso não é uma opção me aposentar amanhã. Estou muito feliz em correr, complementou.
 
Por fim, Vettel lembrou que ainda tem vínculo por mais um ano e meio com a Ferrari. E fez mistério sobre seu futuro. “Sim, tenho um contrato, mas é um pedaço de papel, então vamos ver o que acontece”, finalizou.

 
Confira a programação do fim de semana do GP do Azerbaijão de F1
Horários de Brasília, GMT -3

SESSÃO DIA DATA HORA
TL1 Sexta 26/4 6h
TL2 Sexta 26/4 10h
TL3 Sábado 27/4 7h
TC Sábado 27/4 10h
GP Domingo 28/4 9h10


Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.