Bird valoriza tempo em que tentou F1 e recorda momentos com Schumacher: “Meu herói”

É verdade que a escalada de Sam Bird para chegar à Fórmula 1 jamais atingiu o objetivo final, mas, em entrevista ao GRANDE PREMIUM, lembrou do valor daquele período. E de como se sente sortudo por ter trabalhado junto do grande ídolo que teve no esporte: Michael Schumacher

Nos últimos cinco anos, Sam Bird se colocou como um nome forte da Fórmula E. Um de dois pilotos que conseguiram vencer provas nas cinco temporadas, Bird mostrou ao cenário internacional que apesar de ter sido dispensado pela Mercedes nos tempos em que sonhava com a F1 tinha muito para oferecer. No fim das contas, aquela época não rendeu o objetivo final, mas rendeu o sonho de trabalhar com o ídolo. 
 
Com a carreira cuidada de perto, foi convidado pela Mercedes para ser piloto de testes na temporada 2012. Um dos titulares naquele ano era Nico Rosberg. O outro? O herói de infância de Bird: Michael Schumacher
 
Assim, em entrevista ao GRANDE PREMIUM, afirmou que os anos em que se empenhou na esteira da F1 não foram perdidos e que a Mercedes não foi vilã em sua história.  
Sam Bird e Michael Schumacher num salto de paraquedas (Foto: Acervo)

"Não culpo a Mercedes, ou qualquer um, por essa decisão. No fim das contas, pilotos de testes vêm e vão – metade do paddock da Fórmula E já testou carros de F1. E, sim, foi bem difícil não fazer mais parte [daquilo], mas eu realmente acredito que a Fórmula E veio no momento certo. Não acredito que tenha sido perdido [tempo], nem um pouco! Trabalhei minha subida desde o kart e passando pelas categorias de base para a F1, naquele momento aquela era a rota para todos os pilotos que queriam ser bem-sucedidos”, explicou. 

 
“Quando eu estava me formando, a Fórmula E nem era um conceito, a F1 era a meta de todo mundo. Eu tive uma carreira incrível e fui sortudo o bastante para guiar junto do meu herói, Michael Schumacher. Não acho que desperdicei meu tempo tentando chegar na F1", afirmou.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar