Fórmula E chega à metade da temporada com briga acesa pelo título em 2022

Com oito de 16 etapas completas, Stoffel Vandoorne lidera a Fórmula E pela Mercedes, mas vê sombras de perto e apenas 30 pontos o separam do quinto colocado, Robin Frijns

A Fórmula E realizou, no último final de semana, sua oitava etapa em 2022: a corrida 2 do eP de Berlim, vencida pelo neerlandês Nyck de Vries — seu primeiro triunfo desde a abertura do campeonato, em Diriyah. E com metade da temporada completa, Stoffel Vandoorne vai conquistando o bi pela Mercedes, mas com ameaças diretas do veloz Edoardo Mortara e do consistente — e bicampeão — Jean-Èric Vergne.

▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

LEIA MAIS
Análise: De Vries vence em Berlim e respira em ano melancólico pós-título na Fórmula E
De Vries supera Mortara na largada e vence corrida 2 de Berlim na Fórmula E
Mortara segura liderança do início ao fim e vence corrida 1 da Fórmula E em Berlim

Vandoorne lidera campeonato equilibrado na Fórmula E (Foto: Mercedes)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

No vídeo de hoje, João Pedro Nascimento aborda um pouco sobre a disputa pelo título no topo da Fórmula E, que ainda envolve outros personagens em uma briga que deve se desenrolar até os últimos momentos da temporada. Para se ter uma ideia do equilíbrio, as oito corridas já tiveram cinco vencedores diferentes, já que apenas três pilotos conseguiram mais de uma vitória.

E nem os triunfos têm sido garantia de subida na tabela, já que o terceiro colocado Vergne e o quinto Robin Frijns ainda não venceram, e ainda assim seguem à frente de De Vries — que tem duas vitórias. A briga pega fogo na Fórmula E pelo título, e — principalmente com as jornadas duplas pela frente — a batalha deve seguir até o final com muito equilíbrio na parte de cima.

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Escanteio SP.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar