5º nas 500 Milhas de Pocono, Newgarden diz que resultado “poderia ter sido pior”

Josef Newgarden ampliou a distância para Alexander Rossi com um quinto lugar em Pocono, mas fez prova bastante discreta. De toda forma, o americano valorizou o resultado

Josef Newgarden quase não apareceu durante as 500 Milhas de Pocono. Com largada e relargadas ruins, o americano foi da pole para o quinto lugar na prova que se encerrou pela chuva com menos de 130 voltas. No entanto, abriu mais vantagem na liderança do campeonato já que Alexander Rossi foi envolvido em um acidente na largada e saiu conformado com o resultado.
 
Para o piloto do #2 da Penske, seria quase impossível superar Will Power mesmo em 200 voltas, mas foi um dia de mostrar que a sorte vai e volta, depois de ganhar a pole pela mesma chuva na classificação.
Josef Newgarden aceitou o quinto lugar em Pocono (Foto: Indycar)

"Foi um dia interessante, ele poderia ter sido pior. Na classificação, teve chuva e aí a gente ganhou a pole, na corrida, a hora em que a chuva veio a gente estava em quinto, faltava muita corrida ainda. Vamos aceitar esse quinto lugar. Queria ter ido mais longe, mas acho que seria muito difícil batero Power, ele estava muito forte", disse.

 
Newgarden elogiou o carro que tinha em mãos e espera buscar um novo bom resultado em Gateway. Agora, 35 pontos o separam de Rossi na classificação do campeonato.
 
"Foi uma posição de chegada decente, acho que nosso carro estava bom, agora posso focar nas corridas que faltam. Aposto também num bom carro em Gateway, é fazer acontecer. Sempre confio na Penske e na Chevrolet", completou.
 

 
Paddockast #29
ONE HIT WONDERS DO ESPORTE A MOTOR

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar