Ducati lamenta gasto para confirmar vitória no Catar e ironiza: “Tomara que agora tentem nos bater na pista”

Diretor-executivo da Ducati, Claudio Domenicali celebrou a decisão da FIM (Federação Internacional de Motociclismo) de validar o resultado do GP do Catar e permitir o uso do polêmico defletor da Desmosedici. O dirigente lamentou o gasto de tempo e dinheiro e disse torcer para que os rivais agora tentem vencer a casa de Bolonha na pista

Diretor-executivo da Ducati, Claudio Domenicali usou as redes sociais para celebrar a decisão da FIM (Federação Internacional de Motociclismo) de validar o resultado do GP do Catar e liberar o uso do defletor instalado no braço oscilante da Desmosedici.
 
Claudio Domenicali usou as redes sociais para celebrar a decisão da FIM (Foto: Ducati)
Apesar de Honda, Suzuki, KTM e Aprilia ― as responsáveis pelo protesto ― ainda poderem recorrer a uma instância superior ― na Corte Arbitral do Esporte ―, Domenicali comemorou o desfecho do caso nas redes sociais, mas não escondeu sua insatisfação com a postura das rivais.
 
“A Corte de Apelações da FIM acabou de confirmar que o nosso dispositivo no braço oscilante é completamente legal”, escreveu Domenicali no Twitter. “Os pontos do Catar estão seguros e o dispositivo pode ser utilizado nas próximas corridas”, seguiu.
 
“No entanto, é uma pena que para conseguir este resultado nós tenhamos tido que gastar nosso tempo e dinheiro com advogados e revelar aos nossos competidores o nosso entendimento a respeito do resfriamento de pneus”, indicou.
 
O dirigente se disse orgulhoso da engenhosidade dos italianos e torceu para que a concorrência agora se empenhe em vencer na pista.
 
“A Ducati se orgulha da engenhosidade da engenharia italiana e da sua habilidade de inovar”, comentou. “Muitas pessoas disseram nas últimas semanas que estávamos trapaceando… tomara que agora eles fiquem quietos e tentem nos bater na pista”, completou.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube