Bastianini quebra jejum na MotoGP e vence na Malásia. Bagnaia supera Martín e fica em 3º

Enea Bastianini foi dominante na Malásia, liderou todas as voltas e venceu de maneira contundente. Álex Márquez e Francesco Bagnaia completaram o pódio, com Jorge Martín terminando apenas em quarto

A temporada 2023 de Enea Bastianini foi longe das mais fáceis. Sofrendo com lesões, erros e acidentes, o italiano foi dominante na Malásia e voltou a vencer na MotoGP após mais de um ano inteiro de espera. Com uma performance quase perfeita, liderando todas as voltas em Sepang, subiu no topo do pódio com a equipe de fábrica da Ducati pela primeira vez.

Bastianini assumiu a liderança na largada para não mais soltar. Álex Márquez, vencedor da sprint, até tentou um ataque nas primeiras voltas, mas foi perdendo ritmo durante a prova e se contentou com o segundo lugar.

Líder do campeonato, Pecco Bagnaia não conseguiu fazer a pole se converter em vitória, mas garantiu um pódio. No início, porém, não foi fácil. O italiano precisou se esforçar e ultrapassar o rival Jorge Martín duas vezes antes de se consolidar no pódio e terminar quase 7 segundos à frente.

Com bom ritmo ao longo do final de semana, Fabio Quartararo andou bem e terminou na quinta colocação. Marco Bezzecchi foi o sexto, seguido por Franco Morbidelli, Jack Miller, Fabio Di Giannantonio e Luca Marini fechando o top-10.

Enea Bastianini foi avassalador em Sepang (Foto: Ducati)

Agora, faltam duas etapas para o final da temporada e mais 74 pontos em jogo. Com o resultado de hoje, Bagnaia freou a reação de Martín e agora está 14 tentou à frente do rival. Bezzecchi oficialmente deixou a disputa pelo título.

MotoGP volta a acelerar no final de semana de 19 de novembro, com o GP do Catar, no circuito de Lusail, para a penúltima etapa do calendário. O GRANDE PRÊMIO faz a cobertura completa do evento, assim como das outras classes do Mundial de Motovelocidade.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Confira como foi o GP da Malásia de MotoGP:

Apesar de algumas nuvens cercando o circuito, o sol ainda se manteve presente em Sepang, assim como o calor. Os termômetros marcavam 33ºC no ar e 49ºC na pista. A ameaça de chuva causou aumento na umidade relativa, indo a 73%, além de ventos de 5 km/h.

Todos os pilotos do grid optaram por pneus médios, na dianteira e na traseira, das motos para a corrida no calor malaio.

A largada foi muito agitada em Sepang e viu Enea Bastianini tomar a liderança depois de Jorge Martín escorregar. Álex Márquez subiu para segundo, seguido por Pecco Bagnaia e Marco Bezzecchi.

Ainda na primeira volta, Jack Miller colocou por dentro de Fabio Quartararo e tomou a sexta posição. Pouco mais na frente, Martín superou Bezzecchi e foi para o quarto lugar.

A largada da classe rainha na Malásia (Vídeo: MotoGP)

No segundo giro, duas brigas separadas começaram: Márquez contra Bastianini pela liderança e Martín contra Bagnaia pelo terceiro lugar.

A dupla Bastianini e Álex Márquez começou a sumir na frente, abrindo 1s4 de vantagem para Bagnaia e Martín logo atrás.

Na terceira volta, Martín mergulhou na curva 14 e fez a manobra, mas Bagnaia rapidamente deu o troco e ficou na terceira colocação.

No começo da volta 4, porém, Martín botou por dentro e concluiu a manobra. O italiano não deixou barato e passou por fora na curva seguinte do circuito malaio.

Joan Mir foi a primeira vítima da prova da classe rainha, na quinta volta. O espanhol da Honda perdeu o controle na curva 4 e foi para o chão, mas não conseguiu retornar para a disputa.

Lá na frente, Bagnaia conseguiu um respiro e abriu 0s7 de vantagem para Martín, além de ainda conseguiu uma pequena aproximação contra os dois ponteiros.

Bastianini, também na volta 6, alcançou bom ritmo e abriu 0s9 para Álex Márquez, deixando a briga pela liderança em aberto por um momento.

Ainda na sexta volta, na curva 9, Miguel Oliveira escorregou e caiu.

Depois de dois giros de respiro, Álex Márquez voltou a diminuir vantagem para Bastianini, ficando a 0s6 do italiano.

A partir da oitava volta, as coisas se acalmaram novamente entre os ponteiros. Bastianini abriu 1s para Márquez, que tinha 1s6 para Bagnaia e que tinha quase um segundo para Martín. Bezzecchi, o quinto, não conseguia se aproximar do quarteto.

Fim de prova para Aleix Espargaró em Sepang (Vídeo: MotoGP)

Aleix Espargaró seguiu com seu fim de semana sofrido e caiu na curva 9, abandonando a prova. O espanhol da Aprilia sofreu várias quedas ao longo dos treinos em Sepang.

Na metade da corrida, a grande disputa era pelo sexto lugar. Miller estava segurando Quartararo, Di Giannantonio e o companheiro Binder, com todos eles se alternando nas posições atrás do australiano.

Sem um bom ritmo, Martín conseguiu perdendo vantagem para o rival e ficou dois segundos atrás de Bagnaia.

Apesar das nuvens carregadas, o sol também dava as caras em Sepang e a chuva ficou afastadas do final de semana.

Binder foi mais um a abandonar na Malásia, com um erro na freada da curva 10.

Brad Binder foi mais um a cair durante a prova (Vídeo: MotoGP)

Outra vítima da curva 9, a mais temida do final de semana, foi Takaaki Nakagami. O japonês escorregou e caiu, mas conseguiu retornar para a corrida.

Na frente, Álex Márquez tentava sem sucesso uma aproximação contra Bastianini, enquanto mantinha uma boa distância para Bagnaia.

Após se livrar de Miller, Quartararo abriu caça contra Bezzecchi. Com um raro bom ritmo em 2023, o piloto da Yamaha colocou por dentro na curva 10 e assumiu a quinta colocação, mas 6s8 atrás de Martín.

Na briga pelos postulantes ao título, já na volta 16, Bagnaia conseguiu abrir mais de três segundos de Martín, ficando confortável na zona de pódio.

A 4 voltas para o fim, Bagnaia tentou uma aproximação contra Álex, tirou apenas 0s3, mas o espanhol conseguiu neutralizar o ritmo do rival logo depois, mantendo a vantagem em 1s5.

Mais atrás, Morbidelli ultrapassou Di Giannantonio e subiu para a oitava posição, já ficando colado atrás de Miller.

No fim, porém, pouco mudou. Vitória incontestável de Bastianini, com Álex Márquez e Bagnaia fechando o pódio e Martín apenas na quarta colocação.

Primeira vitória na temporada 2023 de Enea Bastianini (Vídeo: MotoGP)

MotoGP 2023, GP da Malásia, Sepang, Corrida:

1E BASTIANINIDucati20 Voltas
2Á MÁRQUEZGresini Ducati+ 1.535
3F BAGNAIADucati+ 3.562
4J MARTÍNPramac Ducati+ 10.526
5F QUARTARAROYamaha+ 15.000
6M BEZZECCHIVR46+ 16.946
7F MORBIDELLIYamaha+ 18.553
8J MILLERKTM+ 19.204
9F DI GIANNANTONIOGresini Ducati+ 19.399
10L MARINIVR46+ 19.740
11M VIÑALESAprilia+ 21.189
12J ZARCOPramac Ducati+ 23.598
13M MÁRQUEZHonda+ 27.079
14A FERNÁNDEZGasGas+ 28.940
15P ESPARGARÓGasGas+ 29.849
16I LECUONALCR Honda+ 50.960
17A BAUTISTAAruba Ducati+ 53.564
18T NAKAGAMILCR Honda+ 1:42.162
19B BINDERKTMAbandonou
20A ESPARGARÓApriliaAbandonou
21R FERNÁNDEZRNF ApriliaAbandonou
22M OLIVEIRARNF ApriliaAbandonou
23J MIRHondaAbandonou
🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da MotoGP direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra, Escanteio SP e Teleguiado.