MotoGP

Lorenzo assume culpa por ‘strike’ em Barcelona: “Arruinei a corrida de três pilotos”

Jorge Lorenzo foi protagonista de um verdadeiro 'strike' no GP da Catalunha. Ao errar e cair, levou ainda Andrea Dovizioso, Valentino Rossi e Maverick Viñales ainda no início da disputa. Assim que chegou aos boxes, assumiu a culpa pelo acidente

Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
Jorge Lorenzo foi responsável por um verdadeiro strike no GP da Catalunha. Neste domingo (16), ainda no início da prova, o espanhol cometeu um erro e tirou Andrea Dovizioso, Valentino Rossi e Maverick Viñales.
 
O #99 teve boa largada e logo no início da disputa já era o quarto. Entretanto, no final da segunda volta, o piloto acabou perdendo o controle na curva 10 e foi ao chão. Junto, levou os três adversários que estavam a suavolta.
O acidente provocado por Lorenzo (Foto: Reprodução)
Assim que deixou a moto, o tricampeão falou com a transmissão oficial da MotoGP, assumindo o erro cometido. “O que importa hoje é que arruinei a corrida de três pilotos. É uma curva muito delicada”, apontou.
 
“É uma grampo muito fechado que, se freia um pouco depois, não tem opções para se recuperar. Foi muita má sorte acertar Rossi, Andrea e Maverick. A culpa é minha. Acredito que demos alguns passos adiante e entendemos algumas coisas para irmos mais rápido. Espero que isso possa ser demonstrado em Assen”, completou.
 
Quem aproveitou a lambança do começo foi Marc Márquez. Pulando para a ponta logo após a confusão, abriu confortável distância, não foi incomodado durante toda a corrida e venceu em casa. Fabio Quartararo e Danilo Petrucci completaram o pódio.