Sainz despista sobre acidente em teste da Pirelli: “Se algo aconteceu, foi pequeno”

Rumores de paddock indicam que durante o teste da Pirelli, realizado no começo da semana pela Ferrari, Carlos Sainz teria se acidentado. O espanhol não confirma, mas não nega

A Ferrari realizou, no começo desta semana, teste privado para a Pirelli, em Jerez, com o objetivo da marca entender melhor os pneus de 18”, com introdução prevista para 2022. Mas, por mais que as sessões tenham sido fechadas até à imprensa, rumores sempre surgem – e, neste caso, o boato é o de que Carlos Sainz teria passado por acidente.

Nesta sexta-feira (26), o espanhol abordou o assunto ao ser questionado durante o lançamento da equipe da Ferrari (não do novo carro) para 2021. Ou melhor: despistou sobre o tópico.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

CARLOS SAINZ; FERRARI; TESTE; FIORANO; FÓRMULA 1; F1 2021;
Carlos Sainz durante sessão de teste com a Ferrari (Foto: Ferrari)

“O teste da Pirelli é completamente privado, então, honestamente, responder perguntas sobre ele é um pouco difícil para mim. Não sei, dentro do contrato, o quanto posso falar sobre o que aconteceu no teste”, disse.

“Mas, se algo aconteceu, o que eu não vou contar, foi bem pequeno”, completou Sainz, sem negar, porém sem confirmar, o suposto acidente.

Sobre o teste em si, a Pielli confirmou que mais de 300 voltas foram dadas por Sainz e Charles Leclerc, a bordo da Ferrari SF90, de 2019, durante três dias – de segunda-feira (22) até quarta.

Depois dos testes de pneus na Espanha, o foco de Ferrari e Pirelli deixa de ser em 2022 e volta a ser em 2021. A Fórmula 1 conta os dias para o começo da temporada, marcado para 28 de março com o GP do Bahrein. Antes disso, entre 12 e 14 de março, a categoria aproveita Sakhir para realizar uma breve pré-temporada.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube