Leclerc descarta chance de vitória com Ferrari na Hungria: “Otimismo demais”

Apesar de passar perto da vitória em Silverstone, Charles Leclerc acha que as chances de ficar em primeiro na Hungria representam otimismo demasiado

O duelo entre Max Verstappen e Lewis Hamilton no GP da Inglaterra por uma nova perspectiva (Vídeo: F1)

Com Charles Leclerc em Silverstone, a Ferrari passou muito perto de quebrar um jejum de vitórias que se aproxima dos dois anos. Apesar do segundo lugar do monegasco no GP da Inglaterra, depois de liderar mais de 90% da corrida, a expectativa não é de sonhar com o lugar mais alto do pódio na Hungria, que recebe a Fórmula 1 neste fim de semana.

Em entrevista, Leclerc, que subiu ao pódio pela primeira vez em 2021 em Silverstone, acha que pensar em vitória no Hungaroring é otimismo exagerado, e ainda enxerga Red Bull e Mercedes muito à frente do restante do pelotão.

“É bom ser otimista e todos nós queremos ser depois das últimas três corridas, mas precisamos ser realistas. É claro que é bom, estamos em um clima bom, mas eu sinto que vencer em Budapeste é otimismo demais. Eu vou ficar feliz se terminarmos atrás dos dois principais times”, disse Charles.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

CHARLES LECLERC; FERRARI; GP DA INGLATERRA; SILVERSTONE;
Charles Leclerc minimizou chances de vitória (Foto: Scuderia Ferrari)

Quem também não aposta em vitória no Hungaroring é o espanhol Carlos Sainz. O piloto do carro #55, que foi ao pódio neste ano no GP de Mônaco, também confia que a oportunidade é apenas de ficar atrás das principais equipes do grid.

“Eu não acho que vai ser uma pista tão boa para nós. Acho que é uma boa oportunidade de ficar atrás de Red Bull e Mercedes, mas vemos pelos dados que eles ainda têm mais ritmo que nós e devem ficar à frente na Hungria”, concluiu.

F1 VAI À HUNGRIA PRONTA PARA NOVO EMBATE HAMILTON x VERSTAPPEN | Paddock GP #249

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar