Chefe diz que Ferrari “não vai se arrepender” de nunca ter buscado Hamilton

Para Mattia Binotto, a Ferrari fez o certo ao escolher Charles Leclerc e Carlos Sainz como sua dupla atual, e ficar sem sequer tentar contratar Lewis Hamilton não trará lamentação

Lewis Hamilton segue sem assinar contrato para 2021 com a Mercedes, e basicamente é quem segura o único espaço vazio do grid da Fórmula 1 no momento; mas será que isso significaria chances de outra equipe, como a Ferrari, de tentar contratá-lo, se já não tivesse fechado sua dupla?

Improvável, mas impossível cravar. O que a Ferrari demonstra, porém, é que o assunto Hamilton precisa ficar no passado, mesmo com tal porta supostamente aberta, pois ela já tem sua dupla, e precisa valorizar Charles Leclerc e Carlos Sainz.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Enquanto isso, Sainz já fez o molde do banco da Ferrari para 2021 (Foto: Ferrari)

Foi o que disse Mattia Binotto, chefe da equipe italiana, em entrevista à Sky Sports, ao ser questionado sobre nunca ter realizado um acerto com o piloto britânico.

“Acho que não existirão arrependimentos porque, ao final, nós tomamos algumas decisões, e as tomamos pensando que eram as certas, e assim hoje temos um piloto fantástico como Charles, no qual investimos muito”, opinou.

“Acho que ele tem muito talento. Se ele tiver o carro certo, tenho certeza de que ele pode desafiar Lewis Hamilton”, seguiu Binotto.

“Fizemos nossas escolhas, e acho que ele e Carlos, juntos, são muito fortes. Não acho que haverá arrependimento”, repetiu, para concluir, o dirigente.

Hamilton já falou sobre o assunto anteriormente, mais recentemente em novembro de 2020: para ele, posições nunca se alinharam” para ser piloto da Ferrari.

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar