Ricciardo aposta em clima instável para melhor chance da Red Bull e brinca sobre saída de pista: “Estava planejado”

Daniel Ricciardo disse que o clima instável de Melbourne é uma grande chance para a Red Bull se dar bem na abertura da temporada 2016 da F1. O piloto acha que a equipe se adapta fácil às mudanças e que vai tirar proveito disso

Depois de uma sexta-feira (18) chuvosa de treinos livres em Melbourne, Daniel Ricciardo admitiu que o clima instável provavelmente é a melhor chance de a Red Bull viver um fim de semana particularmente forte. A etapa na Austrália abre a temporada 2016, e o piloto da casa terminou o primeiro dia de atividades com o quarto melhor tempo, 0s694 acima da marca registrada por Lewis Hamilton, que liderou as duas sessões no Albert Park.
 
"Eu gostaria que chovesse mais até, mas ainda é melhor do que os últimos dias de espera. Ao menos, nós conseguimos fazer boas voltas. E eu fiquei feliz com o carro, acho que temos um ritmo decente. Agora, temos de ver o que acontece amanhã", explicou o australiano aos jornalistas.
Daniel Ricciardo durante o primeiro treino livre da F1 para o GP da Austrália, em Melbourne (Foto: Getty Images)
"E qualquer coisa que seja variável pode nos ajudar. Só é uma pena que não conseguimos completar mais voltas hoje, mas não estou tão decepcionado com a posição que estamos." 
 
"Ao menos, é a mesma coisa para todo mundo, e a gente é capaz de se adaptar rápido às mudanças. E se não chover amanhã, então espero que possamos conseguir algo a mais", completou.
 
Por fim, Ricciardo ainda tentou explicar a saída de pista que teve no fim do primeiro treino. "Estava tudo planejado", brincou. "Eu disse aos meus amigos para esperar na saída curva 12. Eles ficaram lá, eles não acreditaram, mas eu fui lá. O carro está Ok, só com um pouco de brita, mas os mecânicos adoraram", acrescentou.
VEJA A EDIÇÃO #20 DO PADDOCK GP, QUE ABORDA F1, MOTOGP, INDY E F-E

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube