Brawn promete avaliação de carros da F1 para evitar “caminhos errados”

Em caso de irregularidades, diretor esportivo da FIA afirmou que corpo técnico vai ajustar qualquer projeto que não correspondam ao novo regulamento

COMO CONFLITO ENTRE RÚSSIA E UCRÂNIA AFETA A FÓRMULA 1 E OUTROS ESPORTES A MOTOR

Diretor esportivo da F1, Ross Brawn observou de maneira atenta a configuração dos novos carros durante a primeira sessão de testes de pré-temporada, em Barcelona. Um dos responsáveis pela mudança no conceito técnico dos carros, ao lado do diretor técnico Pat Symonds, o engenheiro negou que o novo design esteja prejudicando as características fundamentais dos carros, mas ressaltou que o corpo técnico avalia todos os dados com atenção e pode rever os conceitos em caso de irregularidades.

Os três dias de preparação para a temporada no Circuito de Montmeló deixaram em evidência designs específicos projetados pelas equipes. Apesar de cada carro apresentar elementos diferentes, principalmente no sidepod, Brawn afirmou que nenhuma interpretação está prejudicando os conceitos base estabelecidos no novo regulamento da F1.

“Não acho que nenhuma das inovações esteja prejudicando as características fundamentais do carro”, disse o diretor esportivo, em entrevista ao site RacingNews365. Mesmo assim, o inglês revelou que o corpo técnico segue atento e utiliza como critérios de avaliação sobre a legalidade dos carros os dados e os designs encaminhados pelas equipes.

“Eu já disse isso muitas vezes, o grupo que trabalhou em conjunto para projetar este carro continuará trabalhando. Agora temos acesso aos dados e designs, e eles vão avaliar se algum desses designs está se movendo no caminho errado, para que então os ajustamos de volta”, contou.

Design da F1-75 chamou atenção de Ross Brown nos testes de Barcelona (Foto: Ferrari)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Em suas observações nos testes em Barcelona, Brawn salientou a concepção aerodinâmica da F1-75, da Ferrari, com destaque para o formato dos sidepods e os detalhes no assoalho. “Acho que se você olhar para a Ferrari, [o design] é muito extremo, aqueles sidepods profundamente esculpidos”, exaltou. “Há muitos detalhes interessantes nas laterais do assoalho, um grande número de soluções em termos de detalhes na borda”, acrescentou.

É sobre os túneis do assoalho, mas especificamente sobre o efeito solo, que Brawn ouviu muitos elogios dos pilotos diante do ganho de downforce dos novos carros. “Eu realmente acho que, conversando com alguns dos pilotos, eles estão vendo e apreciando a diferença deste carro para perseguir o outro carro”, disse.

Leia também

+Red Bull renova contrato e amarra Verstappen até temporada 2028 da Fórmula 1
+F1 reage a conflito, encerra contrato com promotor e veta GPs na Rússia “no futuro”

Na próxima semana, mais especificamente entre os dias 10 e 12 de março, o diretor esportivo da FIA continuará de olho nos carros durante a segunda e última sessão de pré-temporada no Bahrein. A tendência é que algumas equipes apresentem atualizações nos bólidos, em busca da maior curva de desenvolvimento já na primeira etapa da temporada. A corrida que abre o calendário 2022 da F1 acontece no dia 20 deste mês, também no Circuito de Sakhir.

FERRARI JÁ É SENSAÇÃO DA TEMPORADA 2022 DA FÓRMULA 1
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar